Igor Gomes deve voltar a ser titular do São Paulo neste domingo, contra o Palmeiras, no Allianz Parque, pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro. Isso porque Alisson, que vinha sendo uma das primeiras opções do técnico Rogério Ceni para o meio-campo, sentiu dores na coxa direita, não treinou neste sábado e deve desfalcar a equipe no Choque-Rei.

Igor Gomes, antes titular absoluto de Rogério Ceni, perdeu a cadeira cativa na equipe após ser expulso ainda no primeiro tempo do jogo de ida da semifinal da Copa Sul-Americana, contra o Atlético-GO, no Serra Dourada, influenciando diretamente na derrota por 3 a 1.

De lá para cá, Alisson passou a compor o meio-campo do São Paulo ao lado de Pablo Maia, Rodrigo Nestor e Patrick. Embora não se destaque por sua individualidade, o meia-atacante vinha atendendo às demandas táticas de Rogério Ceni e até mesmo balançou as redes para garantir a vitória tricolor contra o América-MG, fora de casa, logo depois de perter o título da final da Sul-Americana.

Igor Gomes deve voltar ao time titular justamente em uma partida no Allianz Parque, local em que coleciona algumas boas memórias. Na última partida que disputou no estádio alviverde, o meia formado em Cotia foi o responsável por bater o pênalti decisivo que deu ao São Paulo a classificação para as quartas de final da Copa do Brasil.

Com contrato somente até março de 2023, Igor Gomes não deve permanecer no São Paulo. As partes não entraram em um acordo sobre a renovação do vínculo, e há o entendimento de que o ciclo do atleta no Morumbi parece ter chegado ao fim, sobretudo pelas fortes críticas vindas por boa parte da torcida.

Gazeta Esportiva