CENI: “Hoje o Luan fez uma boa partida, a se destacar positivamente a participa√ß√£o do Luan.”

REPORTER: “Rog√©rio, j√° que voc√™ colocou de leve o dedo na ferida, qual que √© a real sobre o Luan?”

CENI: “N√£o entendi, porque a √ļnica coisa que eu falei sobre o Luan foi um elogio, que ele foi bem no jogo. Eu n√£o entendi qual a ferida.”

REPORTER: “Pelos coment√°rios.”

CENI: “Coment√°rios de quem?”

REPORTER: “Coment√°rios da imprensa, an√°lises.”

CENI: “Eu n√£o analiso coment√°rio da imprensa, o que vale √© a minha an√°lise sobre o atleta dentro do campo.”

REPORTER: “Quest√£o f√≠sica, fora de campo [sobre Luan]”

CENI: “Jogou bem hoje. Fisicamente foi bem, acabei de fazer um elogio. N√£o entendi “ferida” da sua parte. Voc√™ que tem que curar suas feridas.”

saopaulo.blog