O Conselho Deliberativo do SPFC aprovou nesta sexta-feira a proposta orçamentária para o exercício de 2023, apresentada em reunião na última quinta, com 74,67% dos votos.

Ao todo, 221 conselheiros participaram da votação. 165 votaram a favor, 54 contra (24,43%), além de duas abstenções.

O SPFC estabeleceu para 2023 as mesmas metas esportivas para 2022. Ou seja, o clube espera chegar às finais do Campeonato Paulista e Copa Sul-Americana, quartas de final da Copa do Brasil e terminar o Campeonato Brasileiro entre os seis primeiros colocados.

No ano passado, o SPFC atingiu todas as metas esportivas estabelecidas, com exceção do Campeonato Brasileiro. O Tricolor disputou as finais do Campeonato Paulista e Copa Sul-Americana, sendo derrotado em ambas, e avançou até a semifinal da Copa do Brasil, superando as expectativas, que era de chegar até as quartas de final. Já no Campeonato Brasileiro, o clube do Morumbi acabou tendo de se conformar com o nono lugar.

A ideia da diretoria para 2023 é fazer com que o São Paulo tenha um equilíbrio entre as finanças e o elenco. Ou seja, o clube precisa seguir sanando dívidas, mas ao mesmo tempo manter um time competitivo para brigar por títulos na próxima temporada, um desafio e tanto para um mercado que exige cada vez maiores investimentos para conquistar campeonatos.

A atual gestão do clube, inclusive, pretende apresentar em breve um superávit, ainda que modesto, no balanço financeiro relativo ao exercício de 2022, o primeiro desde 2018, com uma dívida de curto prazo inferior à de longo prazo e redução da dívida geral.

Gazeta Esportiva

3D Red New Year 2023 on white background