O volante Guilherme Batista, mais conhecido como “Fumaça”, do time sub-17, assinou nesta quarta-feira seu primeiro contrato profissional com o SPFC. O jogador é tido como uma das grandes promessas de Cotia para os próximos anos.

Fumaça assinou um vínculo válido até dezembro de 2025. O contrato prevê uma multa rescisória de nada mais, nada menos que 50 milhões de euros para clubes europeus e de R$ 18 milhões para equipes do futebol brasileiro.

O volante acumula convocações para seleções brasileiras de base e vem sendo introduzido gradativamente no time sub-17 pelo técnico Menta, já que tem apenas 16 anos.

Por ser menor de idade, Fumaça assinou um contrato com duração de três anos, prazo máximo reconhecido pela Fifa para atletas com menos e 18 anos. Recentemente, o São Paulo teve problemas com alguns jogadores formados em Cotia justamente por ter estabelecido vínculos maiores e que não eram aprovados pela entidade que regula o futebol mundial.

Gazeta Esportiva