Lamentando a possível saída de Luizão ao fim de seu contrato, Ceni fez críticas sobre a forma como as coisas são conduzidas atualmente com empresários e jogadores:

“O Luizão, vamos ser sinceros, dificilmente fica. Atleta que não renovou até agora, contrato acaba em janeiro. Isso é uma coisa de empresário e clube. Converso com eles, mas sempre respondem que é coisa de empresário. Futebol mudou bastante. Na minha época eu que decidia sobre minha carreira. O mundo mudou. Minha percepção é que ele não permanecerá.

É louvável que ele teve hombridade, mesmo com pouco tempo de contrato, de entrar em campo e fazer seu melhor. No primeiro tempo ele cometeu alguns erros de passe, forçou passes, mas é natural para um garoto com poucos jogos no profissional”

saopaulo.blog