Tentando se manter no G6 do Campeonato Brasileiro, o São Paulo terá na próxima segunda-feira (20), o Palmeiras como adversário, pela 13ª rodada, no estádio do Morumbi.

Alguns dias depois, na quinta-feira (23), o time volta a encarar o Verd√£o, por√©m desta vez pelo primeiro jogo das oitavas de final da Copa do Brasil, outra vez sob seus dom√≠nios. Ao falar sobre o que espera dos compromissos, o diretor executivo de futebol do Tricolor, Rui Costa, em entrevista √† ‘R√°dio Ga√ļcha’, acredita que sua equipe tenha for√ßa para brigar nas duas competi√ß√Ķes, acreditando em um triunfo no primeiro encontro, mesmo destacando o favoritismo pelo bom momento do advers√°rio.

“Estamos preparados para esses confrontos que s√£o muitos importantes para dois campeonatos que n√≥s queremos ser protagonistas, tanto Campeonato Brasileiro, quanto a Copa do Brasil. √Č um cl√°ssico, n√≥s entendemos que √© um jogo que n√£o tem favoritos, vamos encontrar muitas dificuldades evidentemente, o Palmeiras hoje √© uma equipe muito bem organizada, uma equipe que vem sendo protagonista nos √ļltimos anos, mas o S√£o Paulo tamb√©m √© uma equipe gigante, um clube gigante, n√≥s sabemos o quanto √© importante para o Campeonato Brasileiro diminuir essa dist√Ęncia do Palmeiras, somar pontos e cada jogo √© um pouco lugar comum, mas numa temporada em que voc√™ joga a cada 72 horas, cada jogo √© um ciclo importante √© uma decis√£o e √© assim que estamos encarando esse jogo que √© extremamente importante”, pontuou o dirigente.

Deixando um pouco o confronto de lado, ao ser perguntando sobre Marcos Guilherme, Rui optou por adotar uma cautela diante da situa√ß√£o.

“O Marcos Guilherme faz parte de um hall de atletas que n√≥s observamos, porque tem que ser criativo aqui. N√≥s n√£o temos or√ßamento para buscar no mercado jogadores indiscut√≠veis, √© um jogador que tem uma hist√≥ria aqui no clube, tem caracter√≠sticas muito interessantes que n√≥s n√£o temos hoje um jogador com o perfil dele em nosso elenco. √Č um jogador que a gente observa, n√£o posso dizer que ele est√° contratado, que estamos negociando, √© um jogador que at√© pela condi√ß√£o que ele est√° hoje no mercado, √© um jogador livre, n√≥s temos que estar atentos. Mas √© um atleta que tem um perfil diferente do que n√≥s temos aqui hoje, e que atenderia uma necessidade urgente que temos em atender o Rog√©rio em atletas que possam oferecer outras din√Ęmicas, outros sistemas, outros modelos, para que ele possa enfrentar cada advers√°rio com um repert√≥rio maior de op√ß√Ķes e √© isso que estamos buscando hoje”, concluiu.

Lance!