É verdade que Rogério Ceni vive grande fase em clássicos desde que voltou para sua segunda passagem pelo São Paulo. Além dos 100% de aproveitamento em quatro partidas diante dos grandes rivais do estado, o treinador vai encontrar uma das suas vítimas preferidas da sua carreira de técnico.

Ceni enfrentou Abel Ferreira no ano passado em quatro oportunidades: três delas pelo Flamengo e a última pelo São Paulo, nesta segunda passagem pelo Tricolor Paulista. Foram três vitórias do comandante são-paulino e um empate que culminou em um título para o ex-goleiro.

Em novembro do ano passado, o Tricolor conquistou a importante vitória por 2 a 0, no Allianz Parque, responsável por ajudar o time na briga contra o rebaixamento no Brasileirão do ano passado. Aquele duelo já no comando de Ceni. Em 2021, o São Paulo encarou o Palmeiras em outras seis oportunidades, mas ainda treinador por Hernán Crespo.

Pelo Campeonato Brasileiro Ceni e Abel duelaram mais duas vezes, mas o comandante são-paulino estava treinado o Flamengo na época e saiu vitorioso duas vezes. Em abril do ano passado, Flamengo e Palmeiras ficaram no empate por 2 a 2, mas o Rubro-Negro, comandado pelo ex-goleiro, saiu vitorioso na disputa por pênaltis e se sagrou campeão da Supercopa de 2021.

Jogada10