Andrés Colorado fez sua estreia pelo São Paulo nesta segunda-feira. Apesar do pouco tempo de treinamento com seus novos companheiros, o volante colombiano foi acionado por Rogério Ceni na reta final do duelo com o Água Santa, e ele não decepcionou, participando diretamente do gol que deu a vitória ao Tricolor em Diadema.

Com 1,93m, Andrés Colorado foi contratado para aumentar a estatura do elenco e mesmo com o pouco tempo de casa já provou que será muito útil no jogo aéreo. Na jogada do gol de Calleri, o colombiano ganha da marcação no alto, a bola fica com Marquinhos, que cruza para o argentino completar de bicicleta.

“Ele vai precisar ainda de uma adaptação, chegou, fez quatro treinamentos comigo só. É um jogador com características que eu gosto, tem bom passe, pode ajudar em bolas aéreas. No segundo gol, inclusive, ele ganha uma disputa aérea”, lembrou Ceni.

Andrés Colorado se destaca pela capacidade de chegar à área rival, se tornando mais um homem de ataque na transição ofensiva, ainda que seja um volante e tenha compromissos defensivos. Rogério Ceni ainda estuda a melhor forma de utilizá-lo, já que é uma espécie de “atleta coringa”, mas o treinador são-paulino já admite que o colombiano precisará adaptar seu jogo à realidade do futebol brasileiro.

“Ele é um volante que joga lado a lado com outro meia. Com o Nestor jogando por dentro, dificulta a entrada dele de imediato, mas vamos tentar adaptar o mais rápido possível. É um jogador que vai agregar, mas precisa jogar mais rápido. Na Colômbia se joga com mais liberdade, é um futebol técnico. Aqui é mais rápido, mas ele é um bom reforço pra gente”, completou Rogério Ceni.

O São Paulo agora volta o foco para o clássico contra o Corinthians, no próximo sábado, às 16h (de Brasília), no estádio do Morumbi, pela décima rodada do Campeonato Paulista.

Gazeta Esportiva