“O Sasaki já foi desligado e há uma reformulação ainda grande sendo estudada. Mas depende do cronograma financeiro do São Paulo”. A declaração é de um dirigente do São Paulo e revela a disposição do clube em mudar de forma radical sua equipe de staff, que cuida da preparação física e médica.

Primeira vítima da faxina tricolor, Ricardo Sasaki atua como fisioterapeuta e era uma das peças mais importantes do Reffis, que ele ajudou a criar alguns anos atrás.

As dispensas, porém, estão condicionadas ao fluxo de caixa do São Paulo, afinal, os funcionários a perigo têm muitos anos de casa e custarão alto em caso de rescisão. 

De qualquer maneira, já é possível cravar mudanças importantes para o Reffis a partir da volta do time das férias. “O São Paulo criou uma comissão médica, que está terminando um relatório com novos procedimentos e protocolos a serem adotados”, revela a fonte do Blog.

Vale lembrar que o elenco tricolor sofreu demais com lesões e questões físicas ao longo de 2021, o que rendeu inúmeras críticas externas e internas. “Também temos conversas adiantadas para a troca de aparelhos do Reffis”, conclui.

Jorge Nicola