O São Paulo iniciou 2022 decidido reformular seu elenco para que seja uma temporada melhor do que como encerrou 2021. O clube começou limpando seu elenco. A direção usou as últimas semanas em que o Tricolor quase foi rebaixado para dispensar jogadores que não fazem parte dos planos de Rogério Ceni. Ao todo, dez atletas deixaram o Morumbi.

Antes da virada do ano, o Tricolor Paulista já anunciou três reforços: o lateral Rafinha, o goleiro Jandrei e o meia-atacante Alisson. Desses, só Rafinha chega com status de titular, já que a lateral direita é uma das posições mais problemáticas no time, que hoje só tem Igor Vinícius. Orejuela foi emprestado ao Grêmio.

Entretanto, as movimentações no elenco tricolor não acabaram junto com 2021. O São Paulo espera contar com pelo menos seis novos jogadores para o novo ano, sendo o principal foco um atacante driblador, que atue pelas beiradas. Douglas Costa e Soteldo estão na mira, mas as negociações são complicadas no momento.

Por outro lado, a diretoria conseguiu renovar o contrato de Arboleda, zagueiro titular, no que foi considerada uma conquista importante para o time neste momento.

A diretoria ainda tenta encontrar novos destinos para jogadores que não interessam a Ceni, casos de Pablo, Eder e Vitor Bueno, um trio que custa mais de R$ 1 milhão por mês em salários. Há uma prioridade em baixar a folha salarial, que, em 2021, se aproximou de R$ 15 milhões mensais.

Jogada10