O presidente do São Paulo, Julio Casares, recebeu nesta terça-feira o prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes, e acertou a ratificação da concessão do uso do CT da Barra Funda.

Após 40 anos, a atual concessão se encerra em janeiro de 2023. A próxima também será de 40 anos, sendo 20 anos prorrogáveis por outros 20, com novas contrapartidas a serem discutidas pelas partes.

O Tricolor se comprometeu e entregar duas creches em locais indicados pela Secretaria Municipal de Educação, nos bairros de São Mateus e Grajaú, como contrapartida.

“O São Paulo assume neste ato a construção de duas creches, o que nos dá muita alegria. Como instituição, é muito importante ver os movimentos sociais da cidade que têm direcionamento e foco junto às comunidades. Temos o benefício do comodato, mas também daremos uma contrapartida importante para a sociedade paulistana”, afirmou Julio Casares.

“Assinamos o termo que amplia a concessão de uso da área, por 20 anos renováveis por mais 20 anos. Portanto, esse espaço importante onde o São Paulo desenvolve suas atividades estará disponível por mais 40 anos. O São Paulo fará a construção de duas creches, em uma ação social muito importante. Estamos felizes pela parceria, fortalecendo os laços entre Prefeitura e Clube”, explicou Ricardo Nunes.

Gazeta Esportiva