Contratação encarada de maneira dividida pela torcida do São Paulo quando da sua confirmação, o zagueiro Miranda tem conseguido demonstrar bastante consistência até então nas partidas em que atuou na temporada.

Tendo contabilizado 14 partidas até o momento sendo que apenas contra o Sporting Cristal (última rodada da fase de grupos da Libertadores) ele saiu do banco de reservas, o aproveitamento de Miranda totaliza oito vitórias, quatro empates e somente duas derrotas.

Nesse período, além de ter tomado três cartões amarelos, ele balançou as redes uma vez no empate diante do Corinthians por 2 a 2 na Neo Química Arena pelo Paulistão.

Os dois resultados negativos do zagueiro de 36 anos de idade aconteceram já no Brasileirão para Atlético-GO e Atlético-MG sendo que, no caso do último revés citado, ele atuou somente por 40 minutos no Mineirão antes de ser substituído por Diego Costa ao reclamar de dores musculares.

Outro ponto que chama a atenção na volta do defensor ao clube que havia defendido entre 2006 e 2011 é a ausência de triunfos desde a sua lesão. Foram três compromissos disputados contra Chapecoense, Santos e Cuiabá onde o time de Hernán Crespo somou dois dos nove pontos possíveis. Criando, nesse momento, uma incerteza sobre a equipe que vinha com moral elevada após encerrar o jejum de títulos com a conquista do Paulistão no último mês de maio.

Futebol Latino