O São Paulo negocia um possível contrato de patrocínio com a Auto Truck, empresa de proteção veicular que já fez parcerias com Atlético-MG, Cruzeiro e Ceará. A ideia é que a marca estampe a região do calção do Tricolor paulista e Daniel Alves seja utilizado como um replicador de conteúdos. As negociações estão em curso e ainda há discussão sobre o valor que será pago ao clube por uma possível exposição e os moldes do patrocínio.

O departamento de marketing e o presidente Julio Casares fizeram um pedido à Auto Truck em relação ao montante e aguardam uma posição dos responsáveis pela empresa. A tentativa do departamento de marketing de utilizar Daniel Alves como um garoto-propaganda é uma ideia para amenizar a dívida elevada com o atleta.

O Tricolor tem um débito de cerca de R$ 12 milhões com o craque de 38 anos e busca formas de quitar a pendência nos próximos meses. São discutidas alternativas para que o atleta se torne um parceiro em ações de publicidade. O jogador ainda tem contrato até o fim de 2022 no Morumbi. A possibilidade de contar com Daniel Alves como um influenciador é um ponto favorável para a empresa. O atleta atrai visibilidade internacional, sobretudo pelo excesso de fãs em redes sociais. Ele tem mais de 50 milhões de seguidores entre Facebook, Instagram e Twitter.

A diretoria do São Paulo ainda tenta uma meta ousada para a atual temporada. A ideia é dobrar as receitas com patrocinadores. Em 2020, o clube arrecadou R$ 36,5 milhões, em meio à crise causada pela pandemia. 1Há tratativas com outras instituições que possam estampar as suas marcas no uniforme e também nas dependências do Tricolor, como o CT da Barra Funda, o Morumbi e o Centro de Formação de Atletas em Cotia.

Sobre a questão financeira, há desejo da Auto Truck de reduzir o montante solicitado pelo São Paulo. Há certa diferença entre o que é pedido pelo clube e a quantia empresa pretende pagar. A situação é tratada de forma confidencial.

O negócio teria duração de 12 meses e apresenta algumas contrapartidas, além da aparição no calção do time profissional: a marca também terá exposição rotativa no backdrop de entrevistas coletivas, duas inserções por partida do São Paulo como mandante e uma data por ano para eventos no estádio do Morumbi. Ainda haverá uma parceria para a ativação da marca nas redes sociais.

UOL