São Paulo lidera o ranking de minutos cedidos a jovens neste Campeonato Brasileiro. Com quatro dos 11 titulares revelados nas categorias de base, o time comandado por Fernando Diniz soma 8571 minutos dados a atletas sub-21 na competição, ostentando a liderança com uma larga margem para o segundo colocado, o Athletico-PR (7538).

Vale lembrar que há algumas rodadas, o São Paulo, além de Luan, Gabriel Sara, Igor Gomes e Brenner, contava também com a presença de Diego Costa entre os 11 iniciais, o que fez com que a equipe tivesse metade de seus jogadores de linha formados no CFA Laudo Natel, em Cotia, por um número de partidas considerável neste Brasileirão.

Mesmo com uma equipe bastante novo, o São Paulo soube mesclar bem essa juventude com a experiência de figuras como Daniel Alves, Juanfran e Tiago Volpi. E é graças a essa fórmula que o Tricolor figura hoje na liderança do Campeonato Brasileiro de maneira isolada, embora a vantagem para seus concorrentes tenha diminuído com os tropeços recentes.

Além de São Paulo, que lidera o ranking, e Athletico-PR, que vem logo atrás, o top 5 dos clubes que mais apostaram nos jovens neste Brasileirão conta com Vasco (6228 minutos), Goiás (6059 minutos) e Palmeiras (5810 minutos).

Neste domingo, São Paulo e Athletico-PR, na Arena da Baixada, travarão o duelo das duas equipes que mais acreditam no potencial dos garotos de seus elencos. Título, briga pela Libertadores e, claro, os três pontos estarão em jogo em Curitiba, responsabilidade gigante para uma juventude promissora.

Gazeta Esportiva