Há 10 dias, o BolaVip Brasil informou que Athletico-PR e Guilherme Bissoli tinham chegado a um consenso para que o atacante assinasse de forma definitiva com o clube rubro-negro. Emprestado pelo modesto Club Fernando de La Mora, do Paraguai, o camisa 17 acertou as atestar para defender o CAP até dezembro de 2023.

O atacante de 22 anos chegou ao CT do Caju no início de 2020 para suprir a saída do experiente Marco Ruben, um dos destaques da belíssima campanha do Furacão no ano passado quando ganhou a Copa do Brasil, entre outras taças. O jovem atacante – revelado no São Paulo – não decepcionou e chega ao término da temporada como artilheiro da equipe, com nove gols, sendo dois na Libertadores.

Entretanto, curiosamente o São Paulo, seu clube formador, entrou em contato com o Athletico para alinhar assuntos mal resolvidos do passado. De acordo com matéria do GloboEsporte.com, o Tricolor entrou em acordo com os paranaenses e fica com 20% dos direitos econômicos de Bissoli em futuras vendas.

Cria de Cotia, Bissoli ficou no São Paulo entre 2009 a 2018 e conquistou títulos como o Campeonato Paulista Sub-17, a Copa Ouro Sub-20 e a Copa RS Sub-20. Há dois anos, o atacante estava em final de contrato no Tricolor e não estava gostando do tratamento do então clube, por isso ficou aberto para a assinatura de um pré-contrato com o Athletico. Entretanto, o clube paulista cobriu a oferta do rival para renovar com o garoto.

Caso o Athletico ainda quisesse o jogador, uma indenização deveria ser paga. Bissoli, no entanto, não quis permanecer no São Paulo por conta da questão salarial. Assim, treinando separadamente no Tricolor e sem poder atuar por outro clube brasileiro, os empresários do atacante encontraram a saída de transferirem o jogador ao Club Fernando de La Mora, da segunda divisão do Paraguai.

Bissoli atuou por lá em 2019, mas o Athletico, percebendo que o atacante estava livre do ex-time, conseguiu fazer um empréstimo com o atacante até dezembro.  Para evitar que houvesse uma disputa judicial, com a possibilidade de indenização ao Tricolor, a diretoria rubro-negra procurou o clube paulista para ficar com o atacante e encerrar qualquer desavença.

https://br.bolavip.com/futebol/So-Paulo-entra-na-briga-e-contrato-de-Bissoli-com-Athletico-tem-margem-ao-Tricolor-rixa-em-Cotia-faz-CAP-abrir-mo-de-20-do-atacante-20201218-0067.html