Em email ontem, o ex VP de Leco no São Paulo, José Carlos Ferreira Alves, pediu votos a alguns conselheiros para o pleito de amanhã 12/12 no Conselho Deliberativo.

O que surpreendeu a todos foi o fato do candidato à Presidência nem ao menos ser citado. Roberto Natel nem teve menção, demonstrando o abandono completo à sua candidatura.

O Blog que teve acesso ao email através de uma fonte, expõe o conteúdo que enfoca somente em Marcelinho Portugal Gouvea, Jacobson e Médicis (ex gestores de Leco) e Wallim.

Natel que entrou com ação na Justiça sobre a questão da recontagem, tem hoje um dia chave, véspera da eleição para conseguir algum fato novo, um milagre que reverta ou impeça o inevitável.

Já para a cadeira de Presidente do Conselho, Olten Ayres Jr é tão favorito quanto Julio Casares e nem o desespero desta última semana de quem quer se manter nos cargos no clube da gestão Leco e muito menos quem quer ter algum tipo de participação no poder no próximo triênio, fará diferença.

O São Paulo vai mudar, queiram ou não.

Abaixo, a carta do Conselheiro “esquecendo” Natel:

“Prezados colegas do Conselho Deliberativo do São Paulo Futebol Clube,

Entendo que o momento que vive nosso clube do coração pede que tenhamos muita responsabilidade na tomada de decisões.

No próximo sábado, elegeremos, entre outros cargos, a Mesa Diretiva do Egrégio Conselho Deliberativo. 

Tendo já ocupado a Presidência, sei da importância que tais cargos exercem para o equilíbrio do sistema de freios e contrapesos que garante o melhor funcionamento do nosso amado São Paulo.

Pensando nisso, venho aqui reforçar a importância do comparecimento de cada Conselheiro do nosso Tricolor. Apesar do delicado momento que vivemos na saúde pública global, temos um privilégio concedido a poucos, como representantes de nossos milhares de associados e também dos milhões de São-Paulinos mundo afora: o direito ao voto.

É nosso dever, como representantes apontados para tão honrado cargo, exercê-lo sem vaidade e com independência e responsabilidade, pensando sempre no melhor para o São Paulo Futebol Clube, e não em desejos individuais ou de um ou outro coletivo político.Pro Sao Paulo Fiant Eximia

Nesse espírito, e sabendo da indubitável capacidade e comprovada competência dos meus colegas e Conselheiros Vitalícios Marcelo M. Portugal Gouvêa, José Alexandre Médicis da Silveira, José Jacobson Neto e Waldo José Wallim Braga, não apenas declaro aqui meu voto, apoio e confiança em suas candidaturas, mas relembro a todos o papel fundamental que o comando independente, sério, responsável e fiscalizador do nosso Conselho teve em dificuldades institucionais recentes.

A próxima gestão se aproxima com promessas de mudanças, necessárias e defendidas por ambas as chapas. Serão também anos de obrigatória, pois fundamental, contenção e responsabilidade financeira. Não tenho dúvidas de que a chapa composta por estes São-Paulinos experientes, independentes, abnegados e responsavelmente ponderados é a mais indicada a nos conduzir durante esse difícil processo.

Por fim, menciono e cumprimento aqui o profundo conhecimento de Marcelo M. Portugal Gouvêa sobre nosso Estatuto e Regimento, integrante importante que foi da Comissão de Sistematização que o elaborou, além de seus serviços prestados no Futebol, como assessor jurídico do Sócio Torcedor e em Comissão Especial desse E. Conselho. 

Relembro ainda o grande trabalho de reformulação das práticas de formação de atletas comandado pelo meu amigo José Alexandre Médicis quando Diretor de Futebol de Base, assim como a eficiente gestão do José Jacobson Neto como Vice-Presidente de Administração e Finanças, que em poucos meses cortou gastos e otimizou demais nossa folha de pagamento, sem contar os anos de dedicação ao São Paulo Futebol Clube do nosso querido colega Waldo Braga.

Certo de que contaremos no sábado com o senso São-Paulino de dever que habita em cada um nós, me despeço.

Saudações Tricolores,

José Carlos Ferreira Alves”

saopaulo.blog