Tiago Volpi concedeu entrevista coletiva no CT da Barra Funda nesta quarta-feira e, além de ter assumido a falha no gol sofrido no empate do São Paulo com o Santos, comentou sobre a conversa que teve com Fernando Diniz após o clássico. O goleiro revelou que o treinador trouxe motivação para a continuidade do trabalho:

“Foi o melhor possível. Ele sempre é um cara que, independentemente do que acontece no jogo, sempre tenta ser o mais frio possível na sua análise. Conversamos sobre o que aconteceu, me pediu explicação do porquê da jogada, me passou tudo o que eu preciso. Ele falou realmente o que ele pensa de mim, o que ele acha que eu sou. Não é porque aconteceu o que aconteceu que vai mudar o que ele pensa de mim”

Blog do São Paulo