Há pouco mais de uma semana, Fernando Diniz estava pressionado por melhores resultados no São Paulo. Em apenas sete dias, o Tricolor conseguiu três vitórias consecutivas e o treinador voltou a ter tranquilidade para trabalhar. Dentre os pontos fortes apresentados pelo time no Campeonato Brasileiro, os cruzamentos parecem ser um dos melhores caminhos para que a equipe some pontos.

Em seis partidas disputadas pela competição, o São Paulo balançou as redes sete vezes. Desses gols, quatro tiveram origem em bolas levantadas dentro da área, um recurso que passou a ser mais utilizado pelo time desde que Diniz modificou peças da equipe titular.

Na estreia do Brasileirão, o Tricolor venceu o Fortaleza pelo placar mínimo com um gol de Daniel Alves, completando cruzamento de Reinaldo da esquerda. Duas rodadas depois, o time voltou a marcar em jogada aérea. Os comandados de Diniz buscaram o empate com o Bahia com um gol de Luciano, aproveitando cruzamento desviado por Carneiro na primeira trave.

Contra o Athletico Paranaense, o roteiro foi semelhante. O escanteio foi batido pela esquerda, a zaga do Furacão desviou para trás e Luciano apareceu na segunda trave para empurrar para as redes. Já no clássico contra o Corinthians, o gol da vitória foi marcado de cabeça por Brenner, completando cruzamento preciso de Toró.

Buscando manter a boa fase no Brasileirão, o São Paulo terá pela frente o Atlético-MG, na quinta-feira, às 20h, no Mineirão, em partida válida pela sétima rodada da competição.

Gazeta Esportiva