Hernanes pode ser a grande novidade no time titular do São Paulo, no próximo domingo, contra o Corinthians, no Morumbi. Sem Daniel Alves, que passou por uma cirurgia para reparar uma fratura no antebraço direito, Fernando Diniz deve apostar no Profeta para preencher a lacuna no meio-campo.

Acionado no segundo tempo da vitória por 1 a 0 sobre o Athletico-PR, Hernanes deu mais dinâmica e consistência à equipe, que melhorou consideravelmente na etapa complementar e pôde chegar ao gol que lhe garantiu o triunfo. Apesar da falta de ritmo de jogo pelo fato de estar sendo pouco utilizado, o Profeta foi importante na mudança de comportamento do time de Diniz.

Aliás, a partida contra o Athletico-PR foi a primeira de Hernanes na atual edição do Campeonato Brasileiro. Desde a retomada das competições, o Profeta entrou em campo em quatro vezes, apenas uma como titular, contra o Guarani, partida em que o São Paulo utilizou uma formação completamente reserva.

O fato de Hernanes, principal ídolo recente do São Paulo, cair no ostracismo deixou a torcida insatisfeita. Sem muitas oportunidades com Fernando Diniz pós-parada por causa da pandemia do novo coronavírus, o Profeta passou a ser um dos motivos de protestos de tricolores, inconformados com o jogador na reserva enquanto o time vivia uma fase ruim.

A situação fez com que Hernanes chegasse a repensar sua utilidade para o São Paulo e considerasse rescindir seu contrato com o clube. No entanto, após conversa com a diretoria, decidiu permanecer no clube.

Fato é que os 45 minutos finais do duelo entre São Paulo e Athletico-PR foram fundamentais para Hernanes mostrar seu futebol e convencer a comissão técnica de que pode, sim, ser muito útil ao Tricolor nesta temporada.

Assim, a provável escalação do São Paulo para o Majestoso do próximo domingo é Tiago Volpi; Igor Vinícius, Diego Costa, Bruno Alves e Léo; Luan, Tchê Tchê e Hernanes; Vitor Bueno, Pablo e Luciano (Paulinho Boia).

Gazeta Esportiva