O São Paulo derrotou o Fortaleza na última quinta-feira, pelo placar de 1 a 0, no Estádio do Morumbi, pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro. E o Tricolor contou com uma mudança no time titular: Liziero entrou no lugar de Alexandre Pato. Após a partida, o técnico Fernando Diniz explicou a decisão.

“Para esse jogo, foi essa a possibilidade que eu achei melhor. Eu não sou de determinar uma coisa para sempre. Se eu achar que o Pato pode jogar no lado em algum momento, certamente eu o colocarei. Para esse jogo, achei que essas eram as opções que melhor se encaixavam com a maneira que a equipe estava no campo”, declarou o treinador.

Diniz também rasgou elogios ao ídolo são-paulino Rogério Ceni. O comandante da equipe paulista exaltou a carreira do ex-goleiro como jogador e exaltou o atual trabalho como técnico do Fortaleza.

“Ele recebe as minhas homenagens sempre também. Ele sabe que tem a minha admiração, pelo o que ele fez como jogador, ainda mais no clube que eu dirijo, o maior ídolo da história. Sempre quando eu posso tenho que elogiar, porque como treinador ele também está construindo uma linda história. Já é um dos grandes treinadores que temos no Brasil. Está fazendo um trabalho excelente no Fortaleza desde sua chegada, não só no campo, mas fora dele, modificando o patamar do clube. Então, é um treinador que já é uma grande realidade”, concluiu.

Agora, o São Paulo encara o Vasco no próximo domingo, às 16h (de Brasília), em São Januário. O duelo contra os cariocas será o segundo compromisso do Tricolor na competição, já que o confronto diante do Goiás, pela primeira rodada, foi adiado.

Gazeta Esportiva