Após demonstrar apoio à MP 984, a Federação Paulista de Futebol (FPF) resolveu elogias a Rede Globo, principal opositora à nova medida provisória.

Por meio do presidente Reinaldo Carneiro Bastos, a FPF se mantém ligada à emissora carioca. Segundo o mandatário da entidade, cada clube vendeu seus direitos à Globo “porque quis”.

“Primeiro, é um monopólio entre aspas, no Campeonato Brasileiro a Globo comprou os times um a um, nem comprou de uma só pessoa, os clubes venderam porque quiseram”, garantiu Bastos em entrevista ao programa “Os Canalhas”, do UOL.

“Pode ter mudado a lei e, se a Globo comprar de novo os direitos dela até 2024, se ela for lá e renovar até 2028, vai continuar igual, não vai se modificar nada. Então é um monopólio entre aspas, cada um vendeu porque quis.”

O presidente da FPF ainda fez questão de elogiar o trabalho da Globo e não fechou as portas para uma renovação com o Paulistão para os próximos anos. Com a nova MP, porém, garantiu que ouvirá mais propostas e tentará uma valorização de seu principal produto.

“A Rede Globo de Televisão é um parceiro importantíssimo e histórico no futebol de São Paulo”, garantiu Bastos na mesma entrevista ao programa do UOL.

“Nós temos contrato para esse campeonato e para o campeonato de 2021, nós estamos nos preparando profissionalmente, temos uma empresa contratada para conduzir esta renovação, nós gostaríamos muito de continuar com a Rede Globo de Televisão sim, mas nós precisamos ter novos players no mercado, até para a gente poder valorar o nosso produto.”

Torcedores.com