O presidente da Federação Paulista de Futebol (FPF), Reinaldo Carneiro Bastos, disse em entrevista ao blog do PVC, do Globoesporte.com, que duvida que os campeonatos estaduais terão um fim no Brasil.

Segundo ele, o tamanho do país influencia na disputa das competições regionalizadas. Bastos ainda citou campeonatos nacionais europeus para tentar comprovar sua tese.

“Os campeonatos estaduais só vão terminar no Brasil quando acabarem os campeonatos nacionais na Europa. Porque nosso país é um continente”, disse ao blog do PVC o presidente da FPF.

Ainda segundo o mandatário da entidade, os times paulistas não devem passar pela mesma crise que os clubes cariocas passarão nos próximos anos.

Isso porque a Globo rescindiu o contrato que ia até 2024 com a competição estadual do Rio de Janeiro, o que deve dificultar para todas as equipes que estiverem no torneio nas próximas temporadas.

“Os clubes de São Paulo não vão jogar R$ 300 milhões no lixo”, garantiu Bastos.

A Globo tomou tal medida após o Flamengo transmitir a partida contra o Boavista, pela 5ª rodada da Taça Rio, em seu canal do Youtube. O clube rubro-negro usou como base a nova MP 984 assinada pelo presidente Jair Bolsonaro, que dá aos mandantes o direito de escolher como transmitir a partida.

A emissora, porém, entendeu que teve seu contrato de exclusividade com a Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (FERJ) quebrado, mesmo que não tivesse contrato com o Flamengo.

Várias pessoas entenderam que foi o início do fim do plano da emissora de fechar seu espaço para as competições estaduais.

Torcedores.com