Nesta quinta-feira o elenco do São Paulo realizou o seu primeiro dia de atividades no CFA de Cotia. Segundo o técnico Fernando Diniz, os treinos no complexo das categorias de base possibilitam que os jogadores tenham uma melhor recuperação física e técnica do que na capital, assim deixando o grupo pronto para o retorno do Paulistão.

“O fato da gente vir para Cotia é porque temos condições melhores para treinar e poder recuperar os jogadores. Os atletas tiveram uma adesão de 100% para vir e se preparar. Embora a gente esteja tomando os mesmo cuidados com o distanciamento, acabamos convivendo melhor e com mais controle aqui. Com tudo isso, é um grande acerto vir para cá e ser um pouco mais contundente na nossa preparação para os jogos. Acho que estamos no caminho certo”, disse em entrevista à Spfctv.

O comandante tricolor adotou a mesma estratégia no início do ano e, em sua visão, foi um acerto, tanto é que o grupo já chega para essas duas rodadas que faltam classificado para a próxima fase do Estadual, apesar disso não estar na cabeça de Diniz.

“Aqui estamos respirando as competições e a primeira é o Campeonato Paulista, que ainda temos mais seis jogos para brigarmos por essa conquista. É o melhor lugar que a gente poderia estar. Tivemos a experiência no começo do ano, que foi muito útil. Os jogadores aderiram muito bem a ideia de estar aqui e começar da melhor forma os campeonatos”, analisou.

“Importante a gente já estar classificado, mas não vamos levar isso a campo. Quando a gente coloca essa camisa, nós temos que render e entregar vitórias ao torcedor”, completou.

O Campeonato Paulista está previsto para retornar no dia 22 de julho, com o São Paulo recebendo o RB Bragantino, no Morumbi.

“Talvez uma semana a mais seria o ideal para a equipe, mas não está ruim. Tivemos aquela primeira semana das avaliações, que já foi um primeiro contato com todo mundo, um início de grupo, e depois do dia 1º conseguimos intensificar bastante os treinamentos. Nós estaremos em boas condições de reiniciar. A Federação acertou”, finalizou.

Gazeta Esportiva