Após realizar a última atividade no CCT da Barra Funda na manhã de terça-feira, o elenco do São Paulo partiu para o CFA Laudo Natel, em Cotia, para dar sequência à preparação para a retomada do futebol. O plano de concentrar os jogadores na sede das categorias de base é semelhante ao que o Tricolor fez na pré-temporada.

Ao longo do mês de janeiro, a equipe do São Paulo esteve em Cotia com o objetivo de aproveitar ao máximo o tempo da pré-temporada. O período serviu para que o técnico Fernando Diniz desenvolvesse melhor suas ideias, além de aumentar o vínculo entre o time.

Para Diniz, a estadia na sede das categorias de base foi proveitosa e a equipe deu sinais de evolução. Antes da paralisação do futebol por conta da pandemia do novo coronavírus, o clube do Morumbi havia disputado 12 partidas, somando seis vitórias, três empates e três derrotas.

Agora, o Tricolor se aproxima dos quatro meses sem jogos, e a expectativa é que o período em Cotia volte a trazer bons frutos, com os jogadores se recondicionando fisicamente e o time mantendo a evolução dentro de campo.

Além dos aspectos técnicos e físicos, a concentração também é vista como uma forma de preservar a saúde dos jogadores, evitando que eles estejam expostos em ambientes onde podem se contaminar pela covid-19.

Neste período de intertemporada, Fernando Diniz vai ter à disposição todo o elenco do São Paulo. Afinal, no último teste para covid-19 entre os jogadores não houve nenhum resultado positivo.

Ainda restam cerca de duas semanas antes da retomada do Campeonato Paulista, marcada para o dia 22 de julho. Já o início do Brasileirão vai ocorrer em 9 de agosto.

Gazeta Esportiva