Em 2011, o Corinthians buscava um centroavante. O alvo foi Luis Fabiano, com passagem marcante pelo rival São Paulo. A transferência não aconteceu – e, no mesmo ano, ele voltou para o Tricolor. No programa “Bola da Vez”, da ESPN Brasil, ele relembrou bastidores daquele momento. Mais do que isso: falou de outras propostas que recebeu ao longo da carreira.

No programa, Luis Fabiano confesso que pediu para que a diretoria do Sevilla, onde estava à época, recusar o valor pedido. “A proposta do Corinthians durou duas semanas. Porque o Corinthians ficou insistindo. Eu não sei se eu jogaria ou não num time rival. É difícil falar que nunca jogaria, mas que eu não tinha disposição de ir para o Corinthians, não tinha. Se tivesse disposição, eu iria. Até falava para a diretoria do Sevilla não aceitar a proposta. Quando o São Paulo ficou sabendo, aí entre Corinthians e São Paulo, nem preciso falar. Com todo respeito ao Corinthians, uma grande entidade, mas a ligação com o São Paulo era muito grande”, declarou.

A volta para o São Paulo se deu pelas mãos de Juvenal Juvêncio, então presidente tricolor. “Tive convite do Corinthians, uma proposta tentadora. Foi maior que a do São Paulo. No final, fui para o SPFC. O Juvenal Juvêncio era vivo e ele me ligou, falando que estava indo me buscar. E cumpriu. O diretor ficou um mês em Sevilla, um mês de uma negociação dura, abri mão de bastante coisa. Fiquei ligando duas semanas para o presidente falando que queria voltar para o São Paulo”, riu.

Gigantes europeus

Enquanto estava no Sevilla, porém, Luis Fabiano recebeu propostas de grandes clubes da Europa. Preferiu uma, mas ficou no clube da Andaluzia. “Enquanto eu tava no Sevilla, propostas concretas que chegaram foram de Manchester City, Shakhtar Donetsk, Real Madrid, Milan e Olympique de Marseille. Fiz de tudo para ir para o Real Madrid, não vou mentir. Acabou não se concretizando porque esses times, quando vão contratar alguém, têm três opções. Se não der aquilo por estar enrolando, eles partem para a outra. E o presidente do Sevilla, se não fosse um caminhão de dinheiro, ele não liberava fácil”, finalizou o Fabuloso.

Torcedores.com

Luis Fabiano estará novamente a disposição diante do Coritiba
Anúncios