Prestes a reiniciar suas atividades de forma presencial, o São Paulo vive um momento conturbado nos bastidores. Tudo porque parte do elenco está insatisfeita com a redução salarial que teria sido acima do previsto. A informação foi veiculada inicialmente pelo site Globoesporte.com.

Rumores dão conta de que o São Paulo pagou apenas 20% dos salários na carteira. No início da pandemia, estava previsto que o clube pagaria 50%.

Como não houve acordo formal em março, a decisão foi tomada pelo clube de maneira unilateral. Raí e Pássaro estão agendando uma conversa com o elenco e ela pode já ocorrer hoje tamanha a insatisfação de alguns jogadores.

Por parte do Conselho de Administração, há forte pressão para que Leco corte salários até o fim do ano devido à crise da pandemia que já deixa o São Paulo com déficit de R$ 80 milhões até maio.

Blog do São Paulo

Anúncios