Até pouco antes da parada por conta da pandemia do coronavírus, Pablo era um dos atletas mais criticados pela torcida do São Paulo. A sorte do centroavante, porém, mudou no SanSão. Contra o Santos, o avante marcou os dois gols da virada tricolor. Em entrevista ao podcast “Hoje Sim”, o atacante falou sobre a relação dele com Fernando Diniz, técnico da equipe.

Pablo declarou que Fernando Diniz não para de entrar em contato com os atletas durante a pandemia. “Para mim, ele já ligou várias vezes. Com certeza, ele está ligando para outros jogadores. Só que a gente sabe que conversar parte tática é impossível. Não tem como você pegar e ligar para todos os jogadores. Não tem como manter a concentração de todos os jogadores, de 30 jogadores, por exemplo”, declarou.

Melhorias

Logo em seguida, Pablo voltou a falar do tema. “Ele até brincou comigo esses dias e falou: ‘Pablo, nesse tempo eu estou assistindo tantos dos nossos jogos. Assisto e assisto de novo e de novo. Vou vendo os jogos e a gente tem tanta coisa para melhorar, para evoluir. Já tenho um montão de informação para passar para vocês’. E eu conhecendo ele desde a época de Athletico-PR, tenho certeza que ele vai ter muita informação para a gente, que a gente pode melhorar, evoluir”, finalizou o atacante.

Torcedores.com