O pentacampeão do mundo pela seleção brasileira jogou no Tricolor em 2011. Estreou no dia 3 de fevereiro, na vitória por 3 a 2 sobre o Linense, pelo Campeonato Paulista. Deixou sua marca com um belo gol, ao ajeitar na coxa e tocar na saída do goleiro.

A passagem pelo Morumbi durou apenas aquele ano, com 46 jogos e sete gols. No período, trabalhou com os técnicos Paulo César Carpegiani, Adilson Batista e Emerson Leão, sem conseguir ser titular absoluto com nenhum deles.

Rivaldo chegou a se desentender com Carpegiani, após eliminação na Copa do Brasil para o Avaí, dias antes do treinador ser mandado embora. Na postagem, ex-jogador, que hoje vive nos Estados Unidos, lamentou a falta de chances.

“Não tive tantas oportunidades que eu gostaria, mas sou muito grato a este grande clube que é o São Paulo”, escreveu o camisa 10, que brilhou com as camisas de CorinthiansPalmeiras, La Coruña, Barcelona e Olympiacos, além de passar também por MilanCruzeiro, São Caetano e Mogi Mirim.

ESPN