Site lista 10 centroavantes que não deixaram saudades no São Paulo neste século; você concorda?

Serginho Chulapa, Careca, Muller, França, Luiz Fabiano… O São Paulo teve grandes centroavantes em sua gloriosa história. Mas alguns jogadores que tiveram a função de ser artilheiro do Tricolor, acabaram decepcionando.

Então, no dia do aniversário de André Lima (um desses centroavantes que não deram certo), o Torcedores.com lista 10 atacantes que chegaram com a expectativa de ser o ‘homem-gol’ do São Paulo, mas não deixaram saudades no clube.

10 centroavantes que não deixaram saudades no São Paulo neste século:

Dill

Com boa passagem pelo Goiás, Dill chegou ao São Paulo em 2002, e decepcionou com a camisa do Tricolor. Fez apenas um gol em nove jogos, e logo foi transferido ao Botafogo.

Rondon

O venezuelano se destacou jogando a Libertadores pelo Deportivo Táchira, e era esperança de gols do Tricolor. Mas nem de longe, correspondeu as expectativas. Após apenas 11 jogos, deixou o São Paulo sem fazer NENHUM gol sequer.

André Lima

Aniversariante do dia, André Lima chegou ao São Paulo em 2008, e participou da conquista do Brasileirão de 2008. Mas com centroavantes como Borges e Washington em grande fase, pouco teve chances e saiu do clube após marcar seis gols em 29 jogos.

Henrique Almeida

Uma das grandes revelações de Cotia, Henrique Almeida se destacou até na seleção brasileira sub-20, mas nunca conseguiu engrenar com a camisa do São Paulo. De 2009 a 2013, disputou 30 jogos, e marcou apenas quatro gols.

Kieza

Esse pouca gente lembra. Kieza chegou em 2016 e disputou apenas dois jogos, sem marcar nenhum gol. Sendo uma dessas partidas, a derrota contra o The Strongest da Bolívia, onde Kieza perdeu gol cara a cara. Após dois meses de São Paulo, foi transferido para o Vitória.

Chávez

O argentino não teve uma péssima passagem pelo São Paulo, mas sempre conviveu com a responsabilidade de substituir Calleri, que teve média incrível nos seis meses em que esteve no Brasil em 2016. Teve bom início, mas chegou a ficar 10 jogos sem marcar, e encerrou sua passagem em 2017, com 12 gols em 35 jogos.

Lucas Pratto

14 gols em 48 jogos, não é uma média péssima. Mas pelos R$ 24 milhões investidos no argentino, se esperava algo mais de Lucas Pratto. Principalmente em jogos decisivos, o centroavante ‘sumia’ em campo. Atualmente está no River Plate.

Trellez

Outro gringo que decepcionou com a camisa do São Paulo, foi o colombiano Santiago Trellez. O centroavante que chegou ainda em 2018 vindo do Vitória, fez apenas seis gols em 39 jogos. Foi emprestado ao Internacional, porém voltou ao Tricolor e agora busca espaço no elenco.

Ytalo

O centroavante chamou atenção no Audax, onde foi um dos destaques do vice-campeonato do Paulistão 2016. Logo após a competição, foi contratado pelo São Paulo mas acabou não vingando. Fez apenas um gol em 13 jogos, e logo acabou saindo do clube. Atualmente, é destaque do Red Bull Bragantino.

Pablo

Fechamos a lista com o atual titular do São Paulo. Mesmo ainda tendo tempo para ‘calar a boca’ dos críticos, podemos considerar Pablo, um dos centroavantes que mais decepcionaram no Tricolor, devido ao valor investido e as expectativas nele colocadas. Claro que as lesões tem atrapalhado o atacante, mas nem de longe o atleta tem tido o sucesso que teve no Athletico Paranaense. Até o momento, são 10 gols em 39 jogos, e muita desconfiança em cima de Pablo. Será que futuramente, ele sai dessa lista?

Torcedores.com

17 comentários

  1. De acordo do Pablo, acho q ainda ele vai jogar muita bola. E nós ficamos ficamos secando, com pensamentos negativos, temos q torcer e deixar os adversários secarem.

  2. Oloko, Pablo? O cara ainda ta jogando rs

    Eu esperava mais do Pratto mas tem outros nomes pra colocar nessa lista ao invés do dele. Cito: Negueba, Pabon, Jonathan Cafu, etc, etc

  3. Chávez, Lucas Pratto, Trellez e Pablo
    podem ser úteis.

    Para efeito de comparação
    nada haver Dill com Lucas Pratto.

    é que atualmente ninguém está dando certo no São Paulo.
    Ganso, Michel Bastos, Luiz Fabiano, etc, etc.
    Então, atacantes como o Lucas Pratto, também não consegue se destacar no clube.
    Lucas Pratto esse, que foi comprado para a reeleição do Leco, dinheiro da venda do David Neres, onde nem David Neres e nem o Lucas Pratto ficaram 1 ano no São Paulo.

  4. Teve um garoto que veio do interior de sao paulo também na epoca do muricy tinha apelido de edgol saiu sem fazer nenhum e foi para portugal ruin de mais

  5. Allan Kardec, Washington, o que fez um monte de gols no goiás e vasco e veio ao tricolor porque era sãopaulino.(esqueci o nome).

  6. Colocar o Pablo nessa lista é sacanagem de mal gosto espera o cara concluir a passagem dele pelo clube e envés de ficar só criticando pq não apoiar um pouco

  7. Acho que a única decepção dessa lista é o Lucas Pratto, de quem se esperava alguma coisa e do Henrique, pelo destaque na base. Os outros, pelo retrospecto e pelas atuações nas equipes anteriores fizeram o que podiam fazer, basta ver que nunca conseguiram destaque em nenhum outro clube depois do São Paulo e nunca haviam conquistado destaque anteriormente em algum time grande.

    Pablo ainda está construindo a história dele. Por enquanto é decepcionante, mas ele nunca foi centroavante. No Athletico jogava aberto pela esquerda entrando na área e assim se destacou. O que devia ser visto com ressalva posto que já tinha 26 ano s e nenhum destaque antes de 2018.

  8. Eu não colocaria o Pablo, pq ele ainda joga no clube, e nem o Chávez (que pelo menos era raçudo), e até o Lucas Pratto não acho que foi tão mal assim, o problema foi a expectativa que colocaram nele.
    Tivemos alguns bem piores que foram esquecidos na matéria, como o Alex Dias e o Washington Coração Valente…

  9. Dessa lista eu nao concordo com o Chavez e acho ele melhor do que o Trellez.
    Eu tentaria envolver o Pablo, mais alguns jogadores pouco ou nao aproveitados, como Carnero, Trellez, Shaylon, P Boia, em uma troca pelo Calleri. O Calleri nao esta com essa bola toda na Europa, E ccho que os donos do passe sao empresarios uruguaios, e poderiam tambem se interessar por Carnero, revelacao do futebol uruguaio, e Trellez, que tem mercado na America do Sul.

    • Ele, eu acho diferente. Poderia ter dado frutos se a gente tivesse mais paciencia, assim como o Casemiro. Saiu com 19, 20 anos do time.

  10. Se a diretoria nao tem condicao de trazer ninguem, sei la, troca o Trellez pelo Chavez, que brigou na Argentina. Claro que ele nao tira o Pato do time titular, mas, pelo menos, ameaca o Pablo na condicao de primeiro reserva.

O São Paulo precisa de nós! Vamos apoiar!