helinho

Volpi, Sara, Helinho e Carneiro são considerados reforços no São Paulo

helinho

O São Paulo não tem pretensões de fazer altos investimentos no mercado da bola para o retorno das equipes após a pausa nas competições por causa da pandemia do novo coronavírus. O clube passa por momento conturbado em suas finanças e também faz uma boa avaliação do elenco. No entanto, Fernando Diniz deve contar quatro reforços quando as atividades forem retomadas. O goleio Tiago Volpi e os atacantes Gabriel Sara e Helinho devem ser liberados pelo departamento médico. Já o uruguaio Gonzalo Carneiro voltará a trabalhar no Tricolor paulista após cumprir um ano de suspensão por ter testado positivo em exame antidoping.

Durante a partida contra a LDU, em março, pela fase de grupos da Copa Libertadores, Volpi sofreu uma fratura na mão direita. O jogador precisou usar proteção no local, mas já foi autorizado para trabalhar no campo. Considerado um dos principais nomes do time, ele foi substituído por Lucas Perri durante o tempo afastado. Em janeiro, quando treinava, Gabriel Sara sofreu uma fratura no quinto metatarso do pé esquerdo e precisou ser submetido a uma cirurgia. Aposta das categorias de base, o jogador trabalhou no Reffis nos últimos meses para se recuperar fisicamente.

Helinho também ficou afastado da equipe desde janeiro. O atacante teve uma lesão de ligamento no tornozelo esquerdo, causada por uma dividida com o zagueiro Gustavo Gómez, durante o clássico com o Palmeiras.

UOL

4 comentários

  1. E o embate entre Casagrande e Caio, hein?
    Casagrande foi de uma deselegância, de uma falta de educação com o Caio,
    foi inacreditável ver aquilo na TV.
    Como sempre, se você discordar de alguém com pensamento de esquerda,
    ele acredita ter o direito de te humilhar, porque está sempre certo e o outro errado.
    Foi surreal…

O São Paulo precisa de nós! Vamos apoiar!