“O são-paulino gosta do Pato porque ele não gosta do Corinthians”, diz comentarista

Após viver um incômodo período de jejum de gols, reserva e más atuações, o atacante Alexandre Pato chegou a viver um bom momento neste início de temporada, antes da paralisação do futebol brasileiro por causa da pandemia do novo coronavírus. Apesar dos altos e baixos com a camisa do São Paulo, o atacante é um dos principais e mais queridos jogadores do elenco Tricolor, e para o comentarista Arnaldo Ribeiro, isso tem uma explicação.

“O são-paulino gosta do Pato porque o Pato não gosta do Corinthians, só por causa disso. O Pato nunca deu troféu, campeonato para o São Paulo, mas, ao mesmo tempo, se você for pegar bem, o clube brasileiro com o qual ele se identifica, mais que com o Inter, que ele começou, é o São Paulo. Que ele faz mais declaração, que ele está mais presente”, disse Arnaldo Ribeiro durante o podcast Posse de Bola, do UOL Esporte.

“Quando o Pato foi jogar fora do país depois de ter passado pelo São Paulo pela primeira vez, o lugar que ele visitava não era o Beira-Rio, era o Morumbi. E essas demonstrações e tudo mais fazem com que o são-paulino tenha um carinho por ele”, acrescentou o comentarista.

Em 2020, Alexandre Pato soma 11 jogos – nove partidas como titular – e quatro gols marcados, sendo todos nos últimos cinco jogos da equipe.

UOL

7 comentários

  1. Discordo do Jornalista, a primeira passagem do Pato pelo SPFC, principalmente nas mãos do Osório foi muito boa.

    Curintiano que supere aquele penalti. A Passagem do menino ave aqui foi bem diferente do que lá.

  2. Tambem gosto do Pato e não tem nada a ver com o fato dele gostar ou não do time de Itaquera. Gosto dele porque ele gosta do SPFC e sempre que pode, faz seus golzinhos.

  3. Diferente de nós torcedores, que não podemos fazer nada em campo para derrotar os gambás, o Pato pode e nunca fez, não consigo me recordar de nenhum gol que ele tenha feito, ou de nenhuma partida boa contra o time da marginal, e não me recordo de ganharmos com ele em campo (me corrijam se eu estiver errado), quando ele teve a chance de fazer o gol da vitória, pipocou. Então ele odeia o Corinthians em rede social, diferente do Luis Fabiano que sempre marcava um gol, diferente do França que decidia jogos.

O São Paulo precisa de nós! Vamos apoiar!