Fifa manda São Paulo pagar juros por Tchê Tchê e clube decide apelar ao CAS

São Paulo sofreu uma derrota na Fifa por não cumprir com o pagamento ao Dínamo de Kiev pela compra de Tchê Tchê.

Gazeta Esportiva apurou que a apelação do clube ucraniano foi atendida e teve a concordância da instituição que gere o futebol no mundo.

O Tricolor deve a última parcela referente a aquisição do meio-campista, que gira em torno de 500 mil euros, aproximadamente R$ 2,8 milhões na cotação atual.

O problema é que a quantia em questão já é oriunda de um acordo entre os dois clubes por causa de um primeiro atraso do São Paulo no pagamento do que foi tratado no momento da transferência do atleta.

Por causa disso, a diretoria do Dínamo de Kiev entende que tem direito a receber juros e multa, além da parcela.

O São Paulo não concorda com a tese e, mesmo diante do revés na Fifa, confirmou à reportagem que vai apelar à Corte Arbitral do Esporte (CAS, sigla em inglês) para tentar reverter o cenário.

A aposta tem seu risco, pois uma nova derrota na última instância de recurso para casos esportivos refletirá em um custo ao São Paulo superior ao que o clube teria de pagar hoje ao Dínamo de Kiev.

Tchê Tchê chegou ao time do Morumbi no fim de março em uma operação final de 5 milhões de euros (R$ 22 milhões) e contrato com validade por quatro temporadas.O meio-campista de 27 anos soma 48 jogos pelo São Paulo e um gol marcado.

Gazeta Esportiva

3 comentários

  1. Se deve e atrasou,é natural que se pague juros por isso,o que tem que analisar é se esse juros não é abusivo. Alguém saberia dizer se o River pagou o que devia em relação ao Pratto? Não vi esse empenho da Fifa com o River na ocasião.

O São Paulo precisa de nós! Vamos apoiar!