A primeira vez a gente nunca esquece. Ainda mais se tratando de algo tão promissor e importante. Pois há 90 anos o São Paulo Futebol Clube vencia sua primeira partida da história por um Campeonato Paulista. A vítima foi o Juventus, na Rua Javari e o grande nome do confronto foi Arthur Friedenreich, que marcou quatro vezes na vitória tricolor por 6 a 1.

Fundado em 25 de janeiro de 1930, o São Paulo já nasceu grande. Em suas fileiras estavam a imensa maioria dos jogadores que defendiam as cores do Paulistano, maior campeão paulista até então, com 11 conquistas. De quebra, os torcedores desamparados com a saída do clube do Jardim América das competições que se aproximavam do profissionalismo, seguiam seus ídolos.

Além disso, o clube herdou a estrutura da Associação Atlética das Palmeiras, que também abandonara o esporte. Com isso, o novo time tinha o direito de mandar seus jogos na Chácara da Floresta, a melhor praça de esportes da cidade até então. A localização rendeu ao clube o apelido São Paulo da Floresta e, mais tarde, a confusão de nomes e datas de fundação, dentre tantas coisas.

O PAULISTÃO DE 1930
Com o Paulistano fora do futebol, o maior vencedor de títulos estaduais em atividade passava a ser o Corinthians, com sete conquistas. O favoritismo do time alvinegro era ainda mais forte se levado em consideração o bicampeonato de 1928 e 1929. Disputado por 14 equipes em jogos de ida e volta e o campeão definido por pontos corridos, os corintianos fizeram jus às expectativas e conquistaram o segundo tricampeonato paulista de sua história.

A PRIMEIRA VITÓRIA TRICOLOR
Com um time forte e entrosado -já que a base do novo São Paulo era oriunda do Paulistano que havia sido campeão de 1929 do torneio da Liga Amadora de Futebol- causou surpresa a estreia no torneio. O empate sem gols, em casa, com o Ypiranga, último colocado no ano anterior e que novamente não faria boa campanha nessa temporada.

No segundo confronto oficial da história do time, porém, veio a primeira vitória. Em 23 de março de 1930, a tabela marcava o confronto entre Juventus e São Paulo na Rua Javari. O time da Mooca também estreava na competição e iniciara mal: derrota para o Santos, na Vila Belmiro, por 6 a 0. Sendo assim, foi presa fácil para o ávido time tricolor.

Logo com um minuto de jogo o defensor Segalla, do Juventus, marcou a favor do São Paulo o primeiro gol do clube em uma competição oficial. Luizinho e Arthur Friedenreich ampliaram aos 5 e aos 27 minutos do primeiro tempo.

Na segunda etapa o show foi particular de Fried, principal jogador de futebol brasileiro até aquele momento. Com gols aos 11, 19 e 38 minutos do segundo tempo, contabilizou quatro tentos na primeira vitória tricolor pelo Paulistão. Moacyr havia marcado aos 29 o gol de honra juventino. Final: 6 a 1.

Na história, o São Paulo tem 89 participações no Paulistão com 2.317 jogos, 1.300 vitórias, 567 empates e 450 derrotas. O tricolor já marcou 4.451 gols e sofreu 2.346. E tudo isso começou há 90 anos…

Ficha técnica
Juventus 1×6 São Paulo

Data: 23 de março de 1930;
Local: Estádio da Rua Javari, em São Paulo;
Competição: Campeonato Paulista;
Árbitro: Caohuby Reis;
Gols: Segalla (contra) a 1’, Luizinho, 5’ e Friedenreich, 27’ do 1ºT; Friedenreich 11’, 19’ e 38’ e Moacyr aos 29’ do 2ºT;

Juventus: José; Berti e Segalla; Romeu, Túlio e Raffa; Moacyr, Luiz Raul, Picinin e Euvaldo.

São Paulo: Nestor; Clodô e Barthô; Sergio, Bino e Brook; Luizinho, Mario Seixas, Friedenreich, Milton e Zuanella.

Por Raoni David