O São Paulo pode se orgulhar de dizer que alguns dos melhores meias da história do futebol brasileiro passaram pelo clube. Na longa lista de craques tricolores, o Onefootball listou alguns dos que mais se destacaram com a camisa tricolor.

Raí

Raí é um dos maiores ídolos da história do São Paulo e jogador símbolo dos tempos mais gloriosos do clube, na década de 1990. Ganhou tudo pelo clube. Alto e com ótima visão de jogo e poder de conclusão de jogadas, tinha um estilo clássico e vencedor. Depois de jogar na França, voltou para São Paulo e conquistou mais um Paulista, até se aposentar, em 2000. Foram 395 jogos pelo clube.


Pedro Rocha

Entre os uruguaios com mais identificação com o São Paulo está Pedro Rocha. O Verdugo fez 393 jogos pelo clube entre 1970 e 1977. Foi campeão brasileiro e bicampeão paulista, mas é mais lembrado pelo arremate potente e as cabeçadas indefensáveis.


Gérson

Estrela da Seleção de 1970. Gérson chegou o São Paulo consagrado e ajudou o clube a encerrar um jejum de 13 anos com as conquistas dos Paulistas de 1970 e 1971. Foi fundamental na retomada tricolor nos 75 jogos em que vestiu a camisa, entre 1969 e 1971.


Mineiro

Mineiro formou uma dupla inesquecível com Josué no meio-campo tricolor. Mas o quieto volante acabou sendo o autor do único gol da vitória do São Paulo sobre o Liverpool, no Mundial de 2005. Foram 126 jogos e muita história entre 2005 e 2006.


Cerezo

Cerezo chegou ao São Paulo já com mais de 36 anos, mas foi fundamental nos títulos Mundiais de 1992 e 1993. Eficiente no meio-campo, ele tinha a experiência necessária para fazer os mais jovens brilharem e foi premiado com um gol na final contra o Milan. Ele jogou 72 vezes pelo clube, entre 1992 e 1995.