Na última semana, a venda de um velho conhecido da torcida do São Paulo rendeu alívio as cofres do clube. O Ajax pagou mais 7 milhões de euros, cerca de R$ 38,5 milhões na cotação atual, por 20% dos direitos de David Neres. O acordo entre as duas equipes foi fechado em fevereiro.

Os holandeses fecharam com o Tricolor, na mesma época, um acordo por Antony, que deve permanecer no Brasil até o próximo semestre. O atacante de 20 anos foi negociado por 16 milhões de euros, mas o valor pode subir para 20 milhões caso atinja as metas estabelecidas em contrato.

O time do Morumbi não vive um bom momento financeiro e busca sair do vermelho. Assim, as receitas que chegam com esses acordos ajudam a instituição se reerguer e arcar com os custos de todas as contas. Vale lembrar que neste ano o São Paulo atrasou os salários em carteira de seus jogadores.

Muito se deve a temporada passada, a qual o clube não conseguiu atingir os objetivos esportivos esperados, logo arrecadou menos, e também por conta dos fracassos na venda de alguns atletas. O déficit em 2019 foi de R$ 156 milhões.

Para 2020, a diretoria criou uma comissão para acompanhar o faturamento da entidade. A expectativa é receber 33,5 milhões de euros em transações de jogadores e embolsar 75% desse valor à vista.

Torcedores.com