Durante live na página do Instagram da “4ComM”, que gerencia sua carreira, o atacante do Tottenham foi questionado sobre o retorno ao São Paulo. A pergunta surgiu por conta do número de torcedores do clube paulista durante a ocasião, tornando inevitável a pergunta. Diante disso, ele projetou que irá vestir a camisa do time mais uma vez, mas não cravou a data em que isso irá ocorrer.

“Eu tenho, sim, o São Paulo na minha cabeça, nos meus planos. Quando cheguei na Europa, eu tinha uma meta de ficar aqui por pelo menos dez anos. Já se completou sete anos agora, teoricamente faltam mais três, mas a gente nunca sabe o dia de amanhã, o que vai acontecer… Tenho contrato até 2023 com opção de renovar por mais um ano, mas sinto muita vontade de um dia voltar para o São Paulo, vestir aquela camisa novamente, é o time que eu amo, o clube do meu coração a quem eu devo muito, estou sempre acompanhando. Difícil falar. Pode ser daqui três, cinco anos ou pode ser daqui um ano. A gente não sabe. Futebol é muito dinâmico e é difícil cravar uma data ou quando isso vai acontecer – disse Lucas, antes de responder se cogita vestir outra camisa no futebol brasileiro”, declarou.

Além disso, Lucas deixou claro que não se vê atuando em outro clube no Brasil. Como esteve na base do São Paulo e iniciou sua trajetória entre os profissionais no time do Morumbi, o carinho existente e o vínculo que foi criado não se perdeu com o tempo.

“Não sei se iria conseguir. Minha cabeça, no Brasil, é totalmente voltada para o São Paulo. É o clube que me formou, onde fiz grandes amigos, onde passei quatro anos na base e um período fantástico da minha vida. Jogar no Morumbi lotado, conquistar um título da maneira que aconteceu, ver a torcida subindo uma bandeira minha. É um amor muito grande que eu sinto, difícil vestir outra camisa no Brasil”, completou.

Torcedores.com

Anúncios