“Dani Alves é um ser coletivo, é esforço, um dos primeiros a chegar no CT, tem consciência ímpar e gosta de fazer os outros jogarem bem. A presença dele ajuda demais” afirma Diniz

O São Paulo viveu uma tarde de festa ao golear o Oeste por 4 a 0 hoje (22), pela sétima rodada do Campeonato Paulista. E Daniel Alves foi o grande responsável por essa euforia dos torcedores. O camisa 10 fez dois gols e foi o capitão do time e o melhor em campo. Mas há outro tipo de contribuição do astro que ainda fica escondida diante da artilharia na temporada.

É por isso que o técnico Fernando Diniz fez questão de contar um pouco do dia a dia de Dani no Tricolor durante a entrevista coletiva. Para o comandante, o craque poderia se acomodar diante da carreira vitoriosa e ser mais individualista. Só que a realidade é totalmente oposta.

“Vocês não estão em nosso convívio, então não têm ideia da maioria das coisas que acontecem. Daniel tem um currículo que justificaria um comportamento diferente, mas ele continua do mesmo jeito, com o mesmo desejo de ganhar. Ele tem uma consciência ímpar e gosta de fazer com que os outros joguem bem. Ele joga bem e proporciona que os outros também joguem bem”, salientou o treinador.

As ações de Dani em campo ajudam a explicar um pouco do relato de Diniz. O camisa 10 é quem mais rouba bolas no campo de ataque e ainda aparece na defesa para ajudar os zagueiros. Quando faz um gol, corre para agradecer quem deu o passe. Se alguém está mal, tenta motivar ainda durante o jogo. E há ainda casos de bastidores em que Dani poderia não jogar por problemas musculares, mas quis dar o exemplo e foi para as partidas.

“Ele é um ser coletivo e gosta de ser assim. Nas refeições, é o último a sair da mesa. Nos treinos, um dos primeiros a chegar no CT. Ele cuida da alimentação, cuida do corpo e sempre diz que só conseguiu o que conseguiu porque se cuidava assim. Ele não é um talento puro. Ele é esse esforço. Ele faz muita coisa e é muito difícil ver um jogador na condição dele agindo assim todos os dias. A presença dele ajuda demais”, ressaltou Diniz.

UOL

18 comentários

  1. Apesar de muitos q criticiam tem jogado bem. Eh maquininha do time. E jogador sem talento nao consegue essas finalizacoes de primeira sem deixar a bola cair… Eh craque…

    Eu gosto mto do antony mas acho q o ajax comprou o cara errado. Igor gomes vai mais longe q ele. Anotem.

    Ainda queria ver esse time nas maos de um sampaoli mas to esperando o diniz me calar.

    Oeste nao conta…

    #mecaladiniz

    • Cara o Oeste conta sim porque se não ganha hoje eram 4 jogos sem vitória e crise.

      Não precisamos colocar expectativas demais porque é um time mais fraco, e não foi uma partida brilhante, mas estamos ganhando de um time mais fraco em 4 rodadas pela primeira vez.

      Isso deve contar pra alguma coisa, nem que seja pra confiança do Pato ou pra sorte, não?

      • Cara nos temos sofrido tanto ha 7 anos q eu perdi todas as esperancas. Sempre fui o mais otimista e agora o mais cetico.. Acho q temos otimos jogadores mas o diniz ainda nao me convenceu.

        Qdo ganharmos classico, e vamos ver a libertadores posso mudar meu pensamento. Mas ainda nao sinto confianca no sistema defensivo e a como somos vulneraveis a contra ataques…

        Enfim, vamos ver o q o tempo trara…

        • Sei como é irmão, Diniz também não me convence e não acredito que seremos campeões com ele, mas espero que nos leve ao menos até a seminfinal do Paulistinha e passe da fase de grupos da Libertadores. Ou se não conseguir, que ao menos venda caro as derrotas.

          Se não ganhasse do Oeste eu ficaria realmente preocupado, ter ganho deu um alívio.

          O time é deficiente na defesa dos contra ataques, mas ou ele ainda não corrigiu ou não sabe corrigir isso, e acredito que – desde que o ataque funcione – isso só vai ser problemas contra os grandes.

          Mas em questão de evolução, hoje tivemos jogadas de linha de fundo, ao menos saímos do “jogamos como nunca, não vencemos como sempre”.

          Hoje foi um “vencemos como nunca, não convencemos como sempre”, é um alento.

          • Tatto concordo. Estou no mesmo barco q vc.

            Se passar da primeira fase estarei surpreso.

            Por isso o #mecaladiniz… Haha quem sabe?

            Mas as expectativas nao tem me ajudado entao estou indo de boa.

  2. Não acho “o melhor” do time pq Volpi e Tchê Tchê estão ainda melhor. Mas sem dúvidas é dos melhores e mais importantes. Os números falam por ele.

  3. Pai amado. Se empata, reclamam. Se perde, reclamam.

    Tá bom, goleamos o Oeste. Mas, nem isso fazíamos. FIZEMOS agora.

    Só isso já é uma evolução.

    • Exatamente, fizemos a lição de casa que é o que mais importa.

      Sobre evolução é só olhar o primeiro gol, deve ter sido a primeira vez que um jogador do São Paulo vai a linha de fundo no ano.

      Se a ideia era só ir até a linha de fundo com ultrapassagem do lateral por dentro e não por fora como é de costume não sei, mas que deu certo deu e isso anima, ainda que o pessoal chute pouco e que a defesa continue exposta, a vida é melhor hoje!

  4. Se o Daniel Alves anunciar que sai do são Paulo no dia seguinte ele tem um monte de propostas dos maiores times do Brasil . O cara é o coração desse time .

  5. Vejam como é o futebol. O Flamengo venceu o poderoso Boa Vista por 2×1, Santos foi derrotado pelo ituano por 2×0, Corinthians perde para o água Santa por 2×1, grêmio perdeu para o Caxias por 1×0 e nós vencemos o Oeste por 4×0. Vejo como errado olharmos só para os nossos resultados. Vamos observar mais ao nosso redor. O spfc tem uma cara, tem uma proposta de jogo definida, isso é fato e ngm pode negar. Queiram ou não, essa é a vdd.

  6. O x da questão aí zebia, não é golear o oeste e os outros perderem, é que no final os outros disputam títulos e o time que goleou o poderoso oeste fica pelas quartas. Quanto ao maior de todos os tempos, tinha que fazer o dobro de gols pra salvar a pele do treineiro que ele contratou e pelo salário que ganha, por sinal o maior do país.

    • O dobro de gols? O cara é centroavante por acaso? Volante com 4 gols e tá ruim? O cara é o motor do time. Quem nasceu pra criticar nunca está satisfeito.

O São Paulo precisa de nós! Vamos apoiar!