Raí: “SPFC não pode mais ser cobaia de árbitros. Comparando critérios, ficando ainda mais inaceitável”

Após o assalto sofrido pelo São Paulo, o 3o seguido do clube no Paulistão, Raí foi firme nas declarações:

“Foi segundos antes. O Vitor Bueno pega a bola, rouba, e ele dá a falta no Pedrinho. E lá nem chegou perto da bola, derrubou o Igor Gomes, pênalti claro. Comparando os critérios, fica ainda mais inaceitável.”

“É desagradável vir aqui, repetidamente, reclamar da arbitragem. Dá para perceber que não é uma coisa de um árbitro, temos que questionar a política da Federação nesse sentido. O São Paulo não pode ser mais cobaia de árbitro. Hoje foi um clássico! O árbitro da quarta-feira, que deu a maior confusão, pode ser suspenso pela CBF. Tem árbitros experientes que estão apitando jogos no interior. O São Paulo, mais uma vez, prejudicado. Infelizmente, além de fazer tudo que fizemos com a Federação, temos que questionar. A Federação tem que assumir seus erros e trazer soluções.”

Blog do São Paulo

76 comentários

  1. Só sei que time ruim ou não, Diniz burro ou aprendiz e outras mais, se tivesse o VAR, estaríamos na ponta do campeonato e quase sem nenhuma crítica ao time ou treinador.

    Essa é a realidade

    • Exatamente, em todo time que ele passa gostam do futebol. Independentemente de onde ele vá, agora ele é cobrado por resultados na carreira. O trabalho dele está prejudicado justamente porque os árbitros estão influenciando diretamente no resultado. Fica difícil julgar o trabalho até aqui. E é óbvio que precisa melhorar independente dos resultados, pois estamos em início de temporada.

    • Estava no Morumbi e não se iludam, nosso time tem sérios problemas de reposição, qualquer time da serie A com um contra ataque razoável vamos passar sufoco, o time dos marginais é ridículo vamos parar de se agarrar em erros de arbitragem, parece aquela história e corno que a mulher trai no sofá e o cara coloca o sofá no lixo, quando 60 mil chama o treinador de burro, eu estava no Morumbi, não foi a organizada foi o estádio inteiro, ai estão todos errados??? O Diniz melhorou muito o toque de bola do time e movimentação do time isso é fato, porém deixou as laterais e a zaga completamente exposta, ele é o treinador e não eu, mas desde o ano passado nosso time tem dificuldades em marcar gol, não tem outro esquema de jogo, não marcamos gol e continuamos da mesma forma.

      • O que muda estar no Morumbi ou em casa?
        O jogo é o mesmo, com a TV levando vantagem por poder ver, rever os lances etc…

        E quem esteve no estádio, como meu irmão e sobrinhos, contaram outra coisa, que não foi um coro unânime…

        Mas, deixa pra lá… Não vou ficar dando murro em ponta de faca, eu apenas fiz comentários a respeito do que penso e sem problemas quem pensa o contrário…

        • Quem falou de como foi no estádio, se o coro era unânime ou não é irrelevante. O trabalho do Diniz é positivo, ao meu ver. Ele não pode ser culpado dos erros que o time perde. Sempre foi característica nos trabalhos dele a criação em detrimento da defesa. Tanto que tomou goleadas por onde passou.
          Agora o que discordo do seu comentário é sobre assistir jogo no estádio e na tv. A diferença é muito grande. No campo se vê tudo que está acontecendo, movimentacoes, disposição tática, etc. Na Tv não consigo ver nada disso. Em geral, a imagem sempre focaliza o lugar onde a jogada se desenrola e perdemos a noção do todo.

        • Os caras parecem que torcem contra para poder falar eu avisei Márcio. Ignoram que o referidos erros foram decisivos nos jogos, ficam tem que melhorar e tal, claro que tem que melhorar, sempre tem que buscar a melhora, mas isso na muda que fomos assaltadose.

        • Muda bastante assistir do estádio, a televisão maquia muita coisa.
          Quando você está in loco você vê como a defesa se posta quando a bola está no ataque, algo que não é mostrado pela TV, pois o foco está onde a bola vai.
          Os melhores ângulos para se analisar o posicionamento de um time estão nas arquibancadas amarela e laranja. Quando fiquei na arquibancada Amarela, no jogo em que o São Paulo foi eliminado pelo Talleres em 2019, fiquei abismado em como o time se movimentava errado dentro de campo, como se posicionava mal, com jogadores batendo cabeça e embolando o ataque e o meio de campo, parecia um time de várzea, todo capenga. Eu nunca teria percebido isso se estivesse assistindo pela televisão.

    • Simplesmente isso, Márcio, o time teria vencido cinco das seis partidas disputadas, estaria disparado na tabela, liderando também todas as estatísticas.

      Claro que falta bastante coisa pra ser corrigida e ajustada.

      Mas há que se considerar a situação distinta dos anos anteriores onde claramente se nota um time mais consistente e um elenco mais comprometido com os trabalhos iniciados apenas a dois meses.

      Existem problemas de recomposição, de transição e especialmente de finalizações.

      Mas é notória a evolução do todo em termos de conjunto defensivo e ofensivo com o time criando muito mais do que antes sem perder a estabilidade da defesa.

      • Concordo, não dá para comparar esse time com outros anos.

        Apesar dos resultados, de novo, muito influenciado pela arbitragem, o time não é acéfalo, cria situações de gols, joga bem.

        Não sou fã do Diniz, mas não dá para dizer que o time não evoluiu do ano passado para esse.

        Temos que melhorar, mas estamos seguindo um caminho que pode gerar frutos.

        Hoje torço pela manutenção do Diniz, até para mudar essa mentalidade de troca constante de treinador e jogadores.

        A diretoria não pode agir como torcedores, tem que ser mais fria e seguir um planejamento.

  2. Precisamos dissipar está nuvem negra que nos cobre. Para isso precisamos pensar positivo e parar de falar coisas ruins. Precisamos de energia positiva.

      • Por favor, me indique um treinador para o Sp dentro da nossa realidade financeira. Time e bem treinado, as laterais sao os pontos fracos. Igor gomes e Antony de titulares elevarao ainda mais o nivel do time. A melhor coisa que a diretoria pode fazer agora e fechar os ouvidos para as reclamacoes da torcida. Senao daqui a pouco aparece mais contratacoes e treinadores caros e contestaveis.

  3. Prato cheio pra desculpas… Raí achou o que precisava pra esconder sua incompetência e de seu treinador escolhido….

    Se perder o campeonato a desculpa está pronta…

  4. Disso aí só fica uma única conclusão. O campeonato é mais justo com a presença do VAR. Podem falar que não é um sistema perfeito, quem tem lá seus inconvenientes mas é absolutamente claro que o VAR é um caminho sem volta para o futebol. Nada mais eficaz para acabar com aquele argumento ridículo de que a polêmica da injustiça é a graça do futebol.

  5. É inegável que o Diniz deu um padrão tático e organizacional ao time. Esse mesmo elenco com o Cuca até sangrava os meus olhos de tão bagunçado.

    O Diniz tem azar mesmo porque agora que ele poderia ter o seu trabalho glorificado, está sofrendo por incompetência dos jogadores de frente e da FPF.

  6. Quantas oportunidades chata de gol tivemos ontem? 2, 3 para os mais otimistas? Chegar no meio da área contra 5 jogadores das galinhas não é oportunidade, é facilitar a marcação do adversário. O time embola no meio e é lento, muito lento. Isto é esquema tático, ou inexistência dele. Posso até exagerar pela paixão, mas quem defende o Diniz exagera pela ilusão, pois não evoluímos nada e parecemos o Fluminense e o Atlético, antes da demissão dele. Jornalistas que defendem torcem para outros times

    • Reinaldo, Hernanes e Pato (2 vezes) cara a cara com Alfacio perderam chances claras. Pablo no rebote do chute do V. Bueno deu conta de ficar impedido, desperdiçando uma chance clara de gol. Chute do B. Alves no ângulo defendido pelo Alfacio, no total 6 chances certo? Sem contar o pênalti claro não assinalado. Quantas oportunidades o Curica criou? As 2 melhores foram defendidas de maneira espetacular pelo Volpi e só! Veja bem, não estou satisfeito há tempos com nosso clube, com o amadorismo, com a falta de títulos então nem se fala! Mas não dá pra deixar nossa paixão falar mais alto e jogar as poucas coisas boas que temos ultimamente no lixo!

  7. Respeito a opinião de todos mas não tenho um pingo de esperança esse ano, primeiro por estar lá o Leco, segundo que o time do Diniz não tem alma, é a minha opinião! Pode rodar a bola etc Mas não se impõe, anêmico! Jogamos numa rotação lenta a bola enrosca nos pés de Hernanes e Reinaldo, apesar de tudo continuarei São Paulino.

    • Ah, cara. Me desculpa, mas eu discordo de você. Criticar o time pela falta de pontaria é uma coisa, mas falta de alma?! O time vai pra cima, briga, busca o resultado. Não vi isso que você criticou.

  8. Essa diretoria precisa agir sem sacanagem e garimpar com sabedoria um jogador bom e barato de algum time brasileiro ou sul-americano. Não jogador de empresários que circulam na Barra Funda, nem aqueles que podem render comissão. Se procurar direito acha.

    • Com todo respeito, Fábio, a gente tá vendendo nossas jóias pra enfrentar um rombo de 180 milhões, tentar por os salários e imagens em dia.

      Contratações de jogadores ou a vinda de treinadores com salários e projetos megalomaníacos, não parecem minimamente sensatas.

      • Eu tenho consciência disso Takei, apoio totalmente alias. Mas foi por isso que eu disse “garimpar” pois tem muito jogador de salário baixo de time de serie B, time de interior, sulamericano, que poderia ser negociado, seja por empréstimo, ou oferecendo % pro clube em uma futura venda. Enfim, se fosse feito “sem sacanagem” pela diretoria eu acho que daria pra buscar alguém com esse perfil.

  9. Vamos ajudar o Diniz
    Volpi
    Igor Vinicius
    Arboleda
    B. Alves
    Tchê Tchê
    D. Alves
    Igor Gomes
    Vitor Bueno
    Antony
    Pato

    Time ideal, com velocidade na direita e deixando o Pato solto pra jogar onde quiser, com a chegada do Igor Gomes armando e entrando na área.
    Mas tudo isso não vai adiantar se toda vez que chegarem ao gol, não chutar ou errar, a bola precisa entrar e isso será o diferencial.

  10. Reclama antes, Raí. Klaus apitou jogo no interior enquanto o juíz que nunca apitou uma derrota do Corinthians apitou o nosso. Reclama antes, campeão.

    Inclusive, o Blog comentou o restrospecto do árbitro no dia 13, ou seja, não era segredo algum.

    • Realmente, até nisso são incompetentes, tenho certeza de que não sabem dessa informação.
      E só pra lembrar, o Klaus foi quem apitou ano passado no Morumbi onde teve um pênalti idêntico do Manoel no Vitor Bueno, gol do Reinaldo, talvez ontem ele tivesse dados também.

    • O malandrão do Andrés percebeu isso e foi rapidinho pedir o Wagner Marques para apitar o jogo. Ele deve ter gargalhado com o pênalti não marcado pra nós.
      Falta mais esperteza pros dirigentes do São Paulo.

    • Eu sinto falta é de Luis Fabiano matador nesse time… Sentir falta dessa moça, que tremia e entregava gols em jogos importantes… É o cúmulo do absurdo. Pode ganhar mais 50 troféus no Flalixo… Não precisamos desse zagueirinho com sangue de barata.

      • Bom mesmo é o SPFC atual né? Além de ridículo em campo, também é ridículo fora de campo. 3o jogo seguido com arbitragem contra. Juvenal deve ter se revirado no túmulo.

    • Ainda bem que ele foi para o Flamengo ganhar títulos em um time austero e fortíssimo, algo que o SP foi um dia.
      Prefiro ele por lá do que por aqui entregando jogos, inclusive clássicos como o de ontem, algo típico dele.

    • o time da pessoa mais poderosa do país Roberto Marinho, sua emissora transmitia jogos do clube por ordem do patrão, e transmitia pro brasil inteiro. Criou se uma nação que torcia, mesmo que como segundo ou terceiro time, pra um clube do RJ (sede da emissora).

      Sem a globo o flamengo seria Fla-lido como os seus irmãos cariocas.

      • Quanta dor de cotovelo. Nada a ver. O momento é dos caras. Tiveram uma diretoria que pensou em planejamento para 10 anos, coisa que esse incompetente do Leco nem sabe o que é.

        • Perfeito, sob a liderança e comando do Bandeira eles recriaram o Flamengo com um projeto de médio e longo prazos e estão colhendo os frutos.

          Aliás, usaram e copiaram o SP do início dos anos 2000 como exemplo e modelo.

          Posicionamento estratégico e visão de futuro, simples assim.

  11. Ao amigo é xará Marciotricolor:
    Parabéns Márcio por sua análise coerente sobre o Diniz no posto anteiro. Realmente vejo muitos méritos em seu trabalho e vejo o time criando uma cara. Se nesses últimos três jogos não tivéssemos sido roubados tudo estaria diferente. A imprensa quer fritar um treinador de grande futuro e que vem fazendo um grande trabalho.

    Respeito a quem pensa contrário, mas hoje o Diniz tem meu respeito. Chega de Manos, Abels, Mancini…tudo mais do mesmo.

  12. Melhor parar com essa choradeira pq tá chato. Daqui a pouco tá igual ao Botafogo. Pra mim não foi falta do Vitor Bueno, não foi pênalti no Igor Gomes que foi um lance idêntico ao anulado pelo Var no Dudu ano passado. O critério do juiz ontem e que mostra sua ruindade, pq se deu a falta tinha q ter marcado o pênalti. Oq falta ao Diniz e resultado. Sem resultado não adianta ser dominante…

  13. “Infelizmente, além de fazer tudo que fizemos com a Federação, temos que questionar”

    E por “tudo”, leia-se nada. O São Paulo foi assaltado num jogo em casa, não fez nada além de uma reclamação formal.

    No jogo seguinte, sofreu outro erro de arbitragem, não fez nem uma reclamação formal.

    No terceiro jogo seguinte, sofre outro assalto e a única atitude que o nosso diretor do condomínio toma é dar essa entrevista.

    A gente poderia retirar toda a pressão do Diniz no paulistinha falando “esse campeonato não vale nada, e à partir de agora ou mudam as atitudes ou vamos encarar como um campeonato semi-profissional e vamos utilizar somente os jovens” ou poderia simplesmente ameaçar algo que nunca entraria em prática como “se formos prejudicados mais uma vez, sairemos de campo para que fique registrado que a federação não tem competência para gerir a arbitragem do campeonato.”.

    Mas não, tudo que ele fala é que “temos que questionar. Raí fora de campo é ídolo, respeito máximo. Pra mim jamais vai deixar de ser o que foi pelo que fizer fora de campo, mas fora de campo ele sim merece o rótulo de diretor de condomínio. Ele é a cara da apatia do São Paulo atual.

  14. Único tabu que o Diniz conseguiu quebrar foi o da comparação: “bom jogador, mau técnico(ex: falcão)” “mau jogador, excelente técnico (ex: Luxemburgo)”.

    Diniz é medíocre ex-jogador, péssimo técnico”

  15. Esse Raí não engana mais ninguém, ou burro e sonso ou corrupto igual o leco, só pode.
    Quando era jogador foi meu ídolo na minha adolescência, agora mostra o que realmente é, mais um pra afundar o clube, parabéns Raí vc calado é um poeta.

  16. Pablo, 27 anos, teve 1 temporada boa (q nem foi tao boa). Foi destaque numa final de competição q o outro finalista foi Junior Barranquilla. Mais de 200 jogos na carreira e tem pouco mais de 60 gols.
    Bueno, q ano passado foi bem, esse ano nao tem tido muito destaque. Tbm nunca foi de fazer gols. 25 anos, tem um 30 e pouco gols na carreira, em menos de 200 jogos.
    Pato, que é oq mais sabe fazer gols, é uma grande incógnita. Precisa jogar como ele quer, precisa de N fatores pra render. Como esperar gols?
    Daniel Alves, que tem como especialidade a cobrança de falta na barreira e a cobrança de escanteio q a bola demora 30 segundos pra cair na area, tem 69 gols, sei la quantos jogos. Mas isso como lateral. Como esperar algo como meia?
    Difícil ….

  17. Não tinha lido ainda, permita-me repostar, Márcio …

    ————————–

    marciotricolor

    16 DE FEVEREIRO DE 2020 ÀS 10:15

    Sim, ele é o burro… Ele que treina o time a semana toda, sabe o potencial de rendimento de cada um, sabe até como está a disposição do jogador no dia da partida, sabe o que foi treinado para cada tipo de situação durante um jogo, mas ele é o burro…

    O cara foi jogador de futebol profissional, viveu a maior parte da sua vida respirando o esporte, treinos, concentrações, jogos etc, agora fez curso obrigatório, fez estágios necessários e se tornou treinador, mas quem entende mesmo de futebol é o torcedor…

    Recebe os jogadores que há no clube, não reclama, não pede contratações, trabalha com o que tem, de acordo com a realidade financeira do clube.
    Jogador consagrado pelo próprio torcedor perde gol de forma amadora, mas ele é o burro… O time é roubado pelos árbitros, deixa de vencer por causa disso, mas ele é o burro…
    Daí ele faz uma substituição que o torcedor acha estranha (inicialmente eu tbm achei, depois concordei com suas explicações), mas ele merece o coro de burro…

    Deve ser pelo rótulo de burro que ele ganha sei lá… 200 mil reais por mês. Imagino quanto deve ganhar cada um dos inteligentes que sabem mais do que ele…

  18. Embora bem puto com o jogo, Diniz tem uma chance, sendo humilde, coisa que não é, de acertar a recomposição desse time e deixa-lo, pelo menos, aceitável, avenida Reinaldo ontem! de resto, não é coincidência que todos os times dele errem tantos gols. O trabalho dele não evolui, pq ele não quer evoluir, falta uma encaixe para esse cara finalmente virar técnico e o time decolar.

  19. Como disse o Sato, não fosse a arbitragem, gols perdidos e muito azar teríamos a melhor campanha e a torcida empolgada.
    Quando o gol não sai, a ansiedade aumenta.
    Precisamos de paciência e o Diniz fazer algumas trocar.
    Eu tiraria o Hernanes, Bueno e Pablo e colocaria Igor Gomes, Antony e o Trellez ou Brenner.

  20. Culpar atacante tá fácil. Mas e Daniel Alves, Hernanes, Reinaldo, Vitor Bueno são o quê?
    Todos estão jogando chances de gol no lixo também.

    Agora, não é o Diniz quem chuta pro gol, mas ele precisa dar um jeito nisso mesmo assim. Ficar passando sabão pela imprensa é que não vai resolver.

    Nada mais bizarro do que o time inteiro finalizar e não conseguir marcar (e caras que sempre foram bons no riscado). Que cancele todo tipo de treinamento e só se treine fundamento até esses caras começarem a acertar. Nãopera, tática e motivassaun é mais legau…

  21. Lugano esta representando bem o torcedor sao paulino, prensou o juiz mereciam tomar um sova, pra riba desses ladroes corruptos lunano, interceptaram a partida passaram a perna em nos dentro de nossa propria casa, esses dias roubaram o carro do daniel, e ontem roubaram 3 pontos que iria ajudar e muito, seus safados.

  22. Sou critico do trabalho do Diniz, aliás nem deveria ter vindo mas não venha com essa qual treinador dentro da nossa realidade financeira, que realidade financeira?
    Aquela que vendemos um jovem jogador e ainda estamos na lama, lógico que Diniz não tem nada haver com isso mas o velho nefasto.
    Agora uma pergunta a torcida Juanfran, Pablo, Vitor Bueno, Hernandes hoje merecem ser titulares, nosso melhor meio de campo é Lizieiro, Luan e Igor Gomes.
    Daniel Alves tem que ir para a lateral é o melhor da função.
    Quero o sucesso o Diniz mas alguém discorda dessas trocas.

    • Com Dani Alves na lateral precisaremos de um volante que feche como um terceiro zagueiro, que pode ser Luan (deixando Dani e Reinaldo livres para ser alas.

      Nesse caso, jogaria com Luan, tchê tche, Hernanes e Igor Gomes. Pablo e pato no ataque.

      Tchê tchê e Dani Alves dao velocidade ao meio campo (chegada ao ataque e recomposição). Liziero e Luan são lentos (Liziero especialmente é de um lentidão absurda, cansa com vinte minutos e joga ser poupando o resto do jogo – até sair; além de ser frágil na marcação).

O São Paulo precisa de nós! Vamos apoiar!