Em reunião do Conselho de Administração na qual o vice presidente Roberto Natel fora convocado para explicações sobre o suposto vazamento de dados ao hacker Edward Lorenz hoje no São Paulo, quem esperou conflito se surpreendeu.

Natel adotou um discurso de que fora vítima do hackeamento que não sabe o que houve e que está disposto a contribuir com as investigações do clube.

O vice presidente negou que tenha vazado o documento apontado na perícia que o incrimina e fala em quebrar sigilo junto ao UOL, seu provedor de email para comprovar a questão.

Recentemente, Edward Lorenz, o hacker, veio defender Natel após divulgação do Blog do São Paulo do documento que o apontava como o responsável por vazar investigado na estratégia do São Paulo registrada no 22o Cartório pela Gerente Jurídica, Dra. Érica.

Agora, a investigação segue no Comitê de Ética e no âmbito judicial/criminal.

A reunião clima tranquilo e muito ameno mesmo com as divergências políticas.

O Blog seguirá monitorando.

Blog do São Paulo