Vitoria Tricolor em Araraquara: Ferroviária 1X2 SPFC

Retirado de Gazeta Esportiva

São Paulo conquistou sua segunda vitória no Campeonato Paulista nesta quarta-feira. Visitando a Ferroviária na Arena Fonte Luminosa, em Araraquara, pela terceira rodada da competição, o time comandado pelo técnico Fernando Diniz veio a campo com uma novidade e acabou conseguindo sair de campo com o triunfo por 2 a 1, de virada. Hernanes e Arboleda balançaram as redes para os visitantes. Felipe Ferreira abriu o placar para os donos da casa.

Sem Helinho, que sofreu uma entorse no tornozelo, Fernando Diniz deu uma nova chance a Alexandre Pato no ataque, o camisa 7 não decepcionou. No primeiro tempo, foi o camisa 7 quem protagonizou as principais chances do São Paulo, mas não balançou as redes. Na etapa complementar, foi substituído por Everton depois de sentir cãibras.

Com o resultado, o São Paulo se mantém na liderança do Grupo C do Paulistão, com sete pontos. A Inter de Limeira, que é a segunda colocada, entra em campo nesta quinta-feira, contra o Santos, na Vila Belmiro. A Ferroviária, por sua vez, continua na lanterna do Grupo D, mesma chave do Corinthians, com apenas um pontinho.

Arboleda comemorou fazendo alusão à polêmica que se envolveu durante as férias (Foto: Marcos Limonti/AltaPhoto/Gazeta Press/AltaPhoto/Gazeta Press)

O jogo – Aposta de Diniz para a partida desta quarta-feira, Alexandre Pato foi quem criou a primeira grande chance do jogo. Aos quatro minutos, o atacante recebeu na direita, levou para o meio se livrando da marcação e bateu cruzado, forçando boa defesa de Saulo. Pouco depois, aos 20, o camisa 7 tricolor novamente protagonizou uma excelente oportunidade de abrir o placar, saindo cara a cara com o goleiro adversário após corta-luz de Vitor Bueno, mas carimbou o travessão.

A pressão tricolor não cessou, e aos 26 minutos foi a vez de Arboleda ficar com o grito de gol entalado na garganta ao completar de cabeça a cobrança de escanteio de Daniel Alves e ver Saulo se esticar para novamente evitar o gol do São Paulo. Mas, como diz o ditado, quem não faz, toma. E foi exatamente isso o que aconteceu logo na sequência, quando Felipe Ferreira aproveitou o bate-rebate dentro da área para completar com um chute forte, à queima-roupa, sem chance para Tiago Volpi.

Só que a alegria dos donos da casa não durou muito tempo. Três minutos depois de sofrer o gol, o São Paulo respondeu bem e empatou a partida com Hernanes, que recebeu de Pablo, se livrou de dois marcadores na entrada da área e bateu forte, cruzado, estufando as redes do goleiro Saulo, que viu a bola quicar na sua frente antes de entrar.

Segundo tempo

Sem se acomodar, o São Paulo voltou para o segundo tempo determinado a virar a partida e precisou de apenas quatro minutos para alcançar o objetivo. Após cobrança de escanteio de Hernanes, Bruno Alves subiu mais alto que a defesa rival para cabecear certeiro, mas Saulo fez a defesa. No rebote, entretanto, Arboleda pegou de primeira, estufando as redes da Ferroviária.

Após o gol, o São Paulo passou a ficar mais retraído, preferindo apostar no contra-ataque para explorar os espaços deixados pela Ferroviária. Ainda assim, aos 16 minutos, Pablo por pouco não ampliou para o Tricolor ao receber na entrada da área e soltar uma bomba no cantinho esquerdo de Saulo, que fez a defesa.

Sentindo cãibras, Pato foi substituído por Everton na metade final do segundo tempo, mas o panorama do jogo pouco mudou. Sentindo bastante o ritmo do jogo, o time tricolor diminuiu a intensidade na reta final, mas isso não impediu que os visitantes criassem mais uma chance de marcar o terceiro gol. Aos 40 minutos, Everton arrancou pela esquerda e cruzou rasteiro na medida para Pablo completar de carrinho, mas Saulo fez uma defesa à queima-roupa para evitar um triunfo mais elástico do São Paulo.

FICHA TÉCNICA
FERROVIÁRIA 1 X 2 SÃO PAULO

Local: Arena Fonte Luminosa, em Araraquara (SP)
Data: 28 de janeiro de 2020, quarta-feira
Horário: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Ilbert Estevam da Silva
Assistentes: Miguel Caetaneo Ribeiro da Costa e Alberto Poletto Masseira

Público: 10.940 pessoas
Renda: R$ 511.210,00

Gols: Felipe Ferreira, aos 26 do 1ºT (Ferroviária); Hernanes, aos 29 do 1ºT, e Arboleda, aos 4 do 2ºT (São Paulo)FERROVIÁRIA: Saulo; Lucas Mendes, Rayan, Carlão e Bruno Recife; Pablo, Tony, Claudinho (Yuri) e Felipe Ferreira; Fellipe Mateus (Léo Artur) e Henan (Hygor).
Técnico: Sérgio Soares

SÃO PAULO: Tiago Volpi; Juanfran, Arboleda, Bruno Alves e Reinaldo; Tchê Tchê (Luan), Daniel Alves e Hernanes; Pato (Everton), Vitor Bueno (Toró) e Pablo.
Técnico: Fernando Diniz

39 comentários

  1. O time vai ficar mil vezes melhor quando o Antony e o Igor Gomes voltarem.

    Porém todo mundo sabe que eles vão pra Europa neste ano, então já tem que se planejar.

    Pro lugar do Antony, a diretoria deveria trazer o Naoki Maeda do Nagoya Grampus.

    E pro lugar do Igor Gomes, a diretoria deveria trazer o Nicolás Giménez do Arsenal de Sarandi.

      • Eu acho bem improvável o Igor Gomes ficar por muito tempo.

        Pelo menos acredito que vai dar pra obter uns R$ 150 milhões com a venda do Antony + Igor Gomes.

        Só que essa diretoria não sabe se planejar, não tem gestão, então dúvido que reponham a altura. Depois reclamam do Diniz, mas nem mesmo se chegasse o Guardiola aqui ele ia conseguir conquistar alguma coisa com toda essa incompetência da diretoria.

        • Anthony talvez saia já, mas com um pouco de sorte pode sair em Junho….

          Mas hoje eu vejo o Igor mais fundamental ao time do que o Anthony…

          Igor tem que ficar, no mínimo, até o final do ano… Acho eu que há uma possibilidade enorme dele ser a próxima bola da vez em Janeiro-21… um fiozinho de esperança dele ficar pelo menos até final de 21…

    • Ressuscitaram o método de comportamento do time treinado pelo Aguirre. Faz um gol e vem pra traz. Tem gente aqui no blog dizendo que esse time esta unido, que esse time é treinado de verdade, que esse time tem um verdadeiro camisa 10, que esse elenco esta no seu melhor momento fisicamente comparado aos anos anteriores.
      Daqui a pouco se o São Paulo perder dos marginais, das sardinhas e da porcada de forma vergonhosa esses caras somem, voltam só no próximo ano quando o time tiver sequencia de 3 vitórias em cima de times do interior paulista ou em cima de times da parte de baixo da tabela do Brasileirão.
      Como eu queria ter essa percepção mais fantasiosa. Como eu tenho traços autistas que me acompanham de infância, não consigo enxergar as coisas dessa forma.

      • Voltam para pedir Celso Roth, ou Zé Ricardo, ou qualquer técnico que tenha capacidade de nós rebaixar.

        Esse resultado não me engana. Gol de jogada individual e de bate rebate em escanteio.

        Até agora, a proposta de jogo não fez diferença para a vitória. Se não fez diferença, o que esse técnico está fazendo lá? Entregando coletes?

  2. Temos que evoluir bastante, mas estamos muito, mas muito melhor que o ano passado.
    Temos bons jogadores, um time treinado (gostando ou não do esquema de jogo) e fisicamente estamos melhor que nos anos anteriores.
    Ganhamos de virada, raridade nos últimos tempos.
    O time claramente está unido.
    Vitórias melhoram o ambiente interno e aumenta a auto confiança.
    Vou curtir a vitória, até porque o técnico é o Diniz (gostemos ou não) e não sou eu que pago o salário do Daniel Alves, que vem fazendo o papel dele, liderando a equipe e não se escondendo do jogo.
    Não vou perder meu tempo praguejando e torcendo contra.

  3. Boa vitória, de virada, até que enfim!
    Alguns pontos a serem analisados, o time está evoluindo, sabemos que Igor Gomes e Antony vão ser o diferencial, velocidade eles tem de sobra e vão melhorar muito o time.
    Igor Vinicius pede passagem, Reinaldo precisa ficar esperto, parece um tanto fora de forma, subiria o Wellington e testaria ele em jogos assim.
    Daniel Alves está fazendo muita graça, displicência em pessoa, precisa acordar pois essa atitude pode custar a vitória
    De resto, eu ainda espero goleadas, boas ativações, mas pra hoje valeu a vitória.

    • Antony diferencial? Você acredita ainda que esse pia vai volta a joga no São Paulo depois do pré olímpico?
      A direção do São Paulo esta sentada aguardando toca o telefone, com algum Clube do outro lado da linha interessado no jogador. Possivelmente nesse exato momento deve ter empresários oferecendo o jogador na Europa pra qualquer Clube que consiga pagar 80 milhões de reais. Se pagarem 25 milhões de euro nele vai ser um milagre.

  4. O chulesco do Diniz não deve ter destravado até agora com aquela bola no final do jogo que por alguns centímetros não mudou completamente a conversa que estamos tendo agora.

    É ótimo ver o time conseguir uma coisa raríssima pra nós na última década: uma vitória de virada

    O time ainda é muito lento, e para atingir o próximo o Diniz terá que fazer algumas mudanças. A lentidão e a previsibilidade ainda são os maiores problemas.

    Mas nesse momento o mais importante é que o time ganhe confiança e que haja um bom ambiente de trabalho

  5. Sejamos francos…

    É só o 3o jogo do ano, iniciamos com uma pré-temporada incompleta, ou seja, temos que ver o time se condicionando ainda e já disputando competição (já cansei de dizer o que acho, não vou falar de novo…),

    Pato finalmente entrou e mostrou bom futebol, apesar de ter faltado pelo menos um gol,
    Pablo arriscou várias e o goleiro adversário trabalhou para evitar os gols,
    Hernanes voltando a ser Hernanes, ainda que seja aos poucos…
    Zaga fazendo o seu feijão com arroz e dando até pro Arboleda (sim, o Arboleda) ir lá fazer um golzinho como de vez em quando ele costuma fazer…
    Jogamos fora, mas um jogo pra trazer os 3 pontos… e trouxemos!
    Time precisa rodar mais e continuar evoluindo, isso é obvio…
    Momento ideal pro Diniz continuar fazendo alguns experimentos e testes com um ou outro jogador…

    Por hora tá bom, né gente…
    Vamos ser menos azedos aí…

    Boa noite a todos.
    Valew São Paulo!

    #Faltam336Dias (esperei dar meia-noite… Rsss)
    #VazaLeco

    • Como vc diz, para o terceiro jogo da temporada, considerando que pelo empatamos o classico fora de casa, num ano em que, se formos honestos, nao ha grandes ambicoes (eu acredito que o foco agora eh manter para que a proxima administracao possa fazer algo), ta otimo.

  6. Não vejo o Daniel Alves como armador no meio campo. Não sabe fazer isso. Várias jogadas perdidas porque ele não tem leitura e não sabe se tem alguém na cola dele.
    Jogando aberto como ala rende o que se espera e tem mais visão do jogo como sempre fez.
    Diniz, se adapte aos seus jogadores, não os adapte a você.
    Encontre o esquema pra que o time renda. Para de ser técnico de uma nota só.
    Faça o melhor com o ele tem na mão. Osório, de quem eu nem gostava, fez o pato jogar e bem.
    Essa é sua função. Em vez de dar o exemplo do Klopp, procure ser Fernando Diniz mesmo, seja humilde e melhore porque até agora não mostrou nada pra que todos confiem em você

  7. Nos últimos 10 anos vi apenas o Osório criar padrão tático em uma semana no SPFC. Creio que ainda esta cedo, quero ver como vai estar o time daqui uns 5 jogos para ter uma opinião melhor.

    Quanto a Antony, Liziero e Igor…recomendo que a torcida não fique esperando muito deles, a qualquer momento estarão indo embora e teremos que nos virar sem os garotos.

  8. Daniel Alves vem sendo o melhor jogador do sp, muito participativo, corre o campo todo. É atualmrnte essencial pro time. Ainda tem iludido achando que ele vai voltar pra lateral. Melhor mudar o disco. O hernanes é quem ainda destoa na intensidade e prrjudica a mobilidade do meio.

  9. Alguém tem que chegar no Daniel Alves e pedir pra ele parar de ficar fazendo gracinha com a bola. Em um lance em que ele recebeu a bola dentro da área ele quis dar de calcanhar de costas e errou feio o passe, se tivesse feito o simples poderia ter deixado o Toró na cara do gol. Queria ver se estivesse 0 x 0, ou se o São Paulo tivesse perdendo se ele faria isso. Esse time tem que aprender que quanto mais gols fizer melhor vai ser, ao invés de ficar sofrendo até o ultimo segundo de jogo. Tem que aproveitar as chances que aparecem.

    • Cara esse é o jogo dele, ele fazia isso no Barcelona e faz aqui. Já deu inúmeros contra-ataques fazendo isso pelo tricolor, mas duvido que vá mudar aos 38 anos.

      Temos que entender que esse é o estilo de jogo dele, ele sempre passa um pouco a mais o pé na bola.

      • Entendo. Mas uma coisa é fazer isso naqueles timaços que ele jogava na Europa, outra é fazer aqui no São Paulo com a pressão que estamos vivendo por falta de títulos e com o time ainda em formação.

  10. Gol de jogada individual e de bate rebate na área adversária. A proposta de jogo não fez diferença alguma para o placar, pelo contrário, criou várias oportunidades para o adversário.

    O importante foi a vitória. O estilo de jogo ainda não está funcionando e preocupa, pois quase todos os times da série A jogam fechados igual à Ferroviária, mas com um contra golpe com mais qualidade.

  11. Será que é pedir demais, só pra comemorarem uma vitoria de virada de um time que não perde pros grandes em sua casa desde 2016, sei que não é nenhum gigante do futebol brasileiro e sei que o time não jogou um futebol de brilhar os olhos, mais a Ferroviária é sim difícil de ser batida em casa e é o 3º jogo, vou repetir 3º jogo do SP na temporada, impossível qualquer time que seja fazer uma apresentação memorável, tenho ctza que vamos evoluir, e pra tristeza de alguns o SP não vai brigar pra cair, vai brigar sempre em cima, porque o time não é tão ruin como pintam, jogadores experientes junto com jovens, vai ser melhor que o ano passado, podem escrever.

O São Paulo precisa de nós! Vamos apoiar!