“Falta do ‘algo mais’ do São Paulo não é do técnico, vem de cima” diz comentarista

O zagueiro equatoriano Arboleda causou um dos momentos turbulentos do São Paulo durante as férias ao ser fotografado vestindo uma camisa do rival Palmeiras, motivo que causou protestos dos torcedores são-paulinos na estreia pelo Campeonato Paulista e ironias dos palmeirenses no clássico disputado no domingo em Araraquara.

Durante o primeiro bloco do podcast Posse de Bola #17, Arnaldo Ribeiro citou como problemas da gestão de Fernando Diniz no comando técnico do São Paulo a falta de resultados e de entrega. E Mauro Cezar Pereira usou o caso de Arboleda para apontar que a postura do time também está ligada ao trabalho da diretoria do clube.

“Eu acho que o problema da falta desse algo mais não é do técnico, acho que vem de cima. Eu duvido que o Arboleda pusesse a camisa do Palmeiras, se ele estivesse num ambiente com dirigentes que exigissem mais. E quando eu falo de exigir mais, não é o cara que vai estar com a chibata”, disse Mauro Cezar.

“Se ele jogasse na Juventus de Turim, ia fazer isso? Ia vestir a camisa do Milan? Não ia vestir. Se ele jogasse no Bayern de Munique, ele ia vestir a camisa do Schalke 04 ou do Borussia Dortmund? Não ia vestir. Não se admite isso, e não vou nem falar dos times argentinos, que ele nem pisaria mais no país ou na cidade. Imagina, o cara vestindo a camisa do Boca e joga no River, não tem o menor cabimento. Não passa na cabeça do cidadão. Acho que isso acontece por uma certa tolerância, uma certa permissividade, falta às vezes um pouco mais de cobrança, cobrança profissional”, completou.

Mauro também criticou a resposta dada por Diego Lugano, dirigente do São Paulo, que disse que o zagueiro foi ingênuo e não sabia que estava vestindo a camisa do Palmeiras na ocasião. “O caso do Arboleda é um: ‘Ah, ele não entendeu, não sabia’. Não tem que passar pano, isso é um absurdo. Ele sabia o que ele estava vestindo. E acho que tem um certo simbolismo. Por que o São Paulo tolera isso? Faz o quê? Não sabe o que faz, talvez até rescinda com o jogador, mas não pode aceitar”, finalizou.

UOL

Anúncios

30 comentários

    • Mauro Cezar Pereira loucão pra ver o Arboleda na Flamidia dele. O Mauro já criticou o jogador desde o dia da foto e parece que não vai parar até vê-lo sair do São Paulo.
      Porque o Mauro não direciona seus comentários sobre o que possivelmente pode esta acontecendo nos bastidores do São Paulo?
      Estou pensando como o que realmente sou, torcedor. Mauro esta esfregando as mãos para que o São Paulo puna o jogador, colocando-o pra venda pra que o time dele contrate.

  1. comentarista com fala provinciana, facista, e retrograda, nao estamos na idade.media, o arboleda e um funcionario do clube, se romou uma decisao que o clube acredita ser errada, da uma advertencia, uma suapensao ou cancela o contrato ,sao so essas as acoes que uma empresa deve tomar.
    recisao de contrato com o atleta tem custos a serem pagos.pela empresa, ele nao esta contratado pela CLT,

    • Concordo plenamente Fernando , o erro foi do jogador que é burro , que é maluco e casos assim já teve várias no mundo do futebol , é que aí existe um conjunto de má vontade com o clube , com ignorância e corporativismo pois o Mauro é extremamente flamenguista.

      O Balotelli jogando na Inter de Milão vestiu a camisa do Milan , recentemente o Arthur do Palmeiras vestiu a camisa do Flamengo e se pesquisar irão encontrar dezenas de outros casos , e repito decisões erradas dos jogadores e não vejo como o clube possa se responsabilizar por isso.

      O Arboleda foi punido com uma multa , perdeu boa parte do respeito da torcida , foi xingado , e tudo isso fruto de sua má decisão. Se houver um clube interessado em contrata lo e pagar o valor de sua multa não irá deixar saudades , caso contrário apoio totalmente a resolução da diretoria em multa lo e vida que segue.

    • Não gosto do mauro cezar, mas daí a usar o termo fascista, vai longe longe, com todo respeito.
      Ele é praticamente esquerda extrema inclusive, contra ricos e políticos que não são de esquerda e fala direto em twitter.
      Acho ele bem ruim como comentarista e agressivo mas esse termo tão usado hoje em dia e que a maioria nem sabe o que é, não cabe pra ele

      • Retrógrado é usar o termo fascista em pleno 2020… o cidadão deve ser nutella ao ponto de achar que Lugano era um jogador desleal e sujo e odeia o futebol moderno.

        O Mauro quer estádios padrão europeu e com entrada barata, mas se vc sugerir adotar o modelo economico que faz com que o povo tenha esse acesso e essa qualidade de vida, ele é contra.

        • Perfeito. Como muitos, é um hipócrita. Concordo com tudo que escreveu.
          A galera usa esse terno pra atacar e ser aplaudido por um bando

    • Fernando, esse programa onde ele fez o comentário é promovido pelo Uol/Folha que são praticamente todos ideologicamente esquerdistas.
      Sua bancada com exceção do Mauro Cezar é composta por “rejeitados” que usavam as emissoras em que trabalhavam para fazer proselitismo politico de esquerda. Tirone, Arnaldo e Juca K-se nos seus últimos dias de ESPN procuravam qualquer palavra que pudesse fazer menção ao atual governo para fazer criticas.
      Essa turma junto ao seu Mauro Cezar são todos esquerdistas extremistas, pessoas que criticam até o varredor de rua por um serviço não bem prestado, mais que visita o sr. Lula na cadeia e acredita que ele é a alma mais honesta e pura do mundo.
      Tem um jornalista que talvez não conheça, Alexandre Garcia. Disse que há uns 25 anos atras ele foi numa Universidade de jornalismo em São Paulo e os alunos já naquela época aprendiam que ser jornalista é ter um posicionamento politico de esquerda, afim de pratica justiça social. Vejam só? Jornalista não teria que ser profissionais que saibam relatar e transmitir os fatos? Por isso quase todos na atualidade são “justiceiros” sociais.

  2. Até a chapeuzinho vermelho sabe que todos os problemas vividos e apresentados pelo time tem suas origens na cúpula, decorrem do mais completo e absoluto despreparo, da incapacidade e incompetência dessa cambada do Leco, responsáveis diretos por todo o desmantelamento havido nos últimos quinze anos.

    E esse é o grande problema a ser equacionado.

    Quando, se é que isso em algum momento vai acontecer, surgirão forças opositoras ou movimentos de verdade para retomar as coisas e iniciar através de uma profunda transformação político administrativa um vigoroso projeto de recriação do nosso clube.

    Infelizmente, somos hoje uma grandiosa e muito tradicional “empresa”, uma marca fenomenal, de muita história e valor incomensurável, com uma estrutura gigantesca, que nas mãos de gente séria e do bem retomaria o reconhecimento de um dos maiores clubes de futebol do planeta.

    O que pega é que politicamente o nosso clube acompanha a sofreguidão do futebol do nosso país e da nossa própria nação.

    Inexiste forças oposicionistas no SP.

    Resta-nos politiqueiros de quinta categoria e politicagem barata do quanto pior melhor.

  3. sobre o jogo de hoje;

    HOJE TEM SÃO PAULO 🇾🇪

    ⚽ | vs. Ferroviária
    🏆 | 3ª rodada do Paulistão
    🏟 | No Fonte Luminosa, 21h30

    🇾🇪 | Provável escalação [GE]: Volpi; Igor Vinicius (Juanfran), B.Alves, A.Martins (Arboleda) e Reinaldo; Luan, Tchê Tchê e Liziero (Everton); V.Bueno, Pato e Pablo (Brenner).

    Jogar com 03 volantes ??? tá de brincadeira PardalNiz

  4. Como mandar o cara embora, se não tem dinheiro nem pra pagar os direitos de imagem, imagina ter que contratar um outro zagueiro. O SPFC de hoje, tem uma folha salarial acima de R$ 13 milhões, e faz empréstimos pra pagar. Hoje o SPFC é um retalho, refém de jogadores e empresários.

    • Vejo o mesmo. Mauro o jornalista em questão esta louco pra ver a diretoria colocar o Arboleda pra venda, para que o Flamengo dele venha e contrate.

  5. Jornalista querendo que o SPFC queime o jogador? Quem se queimou foi esse zagueiro que entregou na final do Paulista.
    A única torcida do mundo que aceitaria, e aceitou esse cara é a torcida do SPFC. Mauro está certíssimo.

  6. Eu entendo o lado do jornalista de insistir em trazer a tona esse tipo de polêmica inócua, pois eles vivem de audiência. Mas esse “incidente” Arboleda já deu né. O jogador já foi repreendido internamente, tem consciência da mancada que deu, mas em campo continua com o mesmo comprometimento de sempre.

    Falar que ele não faria isso jogando em outro clube é mera especulação, e duvido que seria motivo pra rescisão em qualquer clube que fosse desde que estivesse mostrando resultado em campo. Dirigente tem que ser pragmático.

    Nos anos 80 Renato Gaúcho, quando jogava no Grêmio, apareceu em rede nacional com a camisa do SPFC durante uma matéria, e nem por isso se tornou menos ídolo daquele clube. Muito menos teve contrato rescindido.

  7. O Arboleda foi um idiota. E ninguem sabe a intencao dele em vestir a camisa do adversario.
    Tem dar bronca.
    E o jogador tem que se retratar publicamente, como fez.
    Vai ainda levar um tempo pra isso se sanar junto a torcida.E e claro que o problema nao e so do tecnico.E de toda a diretoria, principalmente o Leco. Isso e um ponto.
    Agora, outra coisa esse comentarista querendo queimar todo o clube por causa disso, quando esse episodio ja podia estar se apagando da memoria.
    Jogar torcida contra jogador, tecnico, diretoria.
    Isso e sacanagem.
    Vanos torcer para que o time jogue mais com a Ferroviaria, e qus melhore a transicao e a verticalidade do meio para o ataque. E gols, por favor!

  8. O Lugano resumiu tudo, Arboleda fez burrice. O cara é totalmente desligado, já deu pra reparar isso!

    Não conheço a história do jogador mas pelo que dá pra imaginar, vem de família humilde, não tem muita instrução e noção das coisas.

  9. Agora essa do Arboleda já foi né? Mané ok, mas mostrou que está focado. E discordo do que foi dito do Lugano. O Raí realmente deixou o barco correr, mas agora, duvido que o Lugano tenha passado o pano. Pode ter sido pra imprensa, pq no olho no olho tenho certeza que foi outra história.

  10. Eu realmente não liguei para o caso Arboleda. Claro que não foi legal, mas nada que uma conversa com multa não resolvesse. Ele é mto bom jogador e é comprometido com o clube em campo (Minha opinião)

  11. Eu interpreto o que o Mauro disse da seguinte maneira: a diretoria do São Paulo passa uma permissividade, uma certa frouxidão na hora de exigir um profissionalismo e respeito à camisa por parte dos atletas.

    Ele citou o caso do Arboleda pois é uma consequência dessa frouxidão. Mas eu consigo ver outros exemplos como o caso do Jucilei que simplesmente parou de se esforçar após ser contratado e de alguns outros durante esses anos que parecem não levar a sério o manto tricolor.

  12. Isso é de conhecimento geral, temos um presidente que governa o clube na base da “troca de favores” provando o clube de incompetentes que não sabem nada de futebol… muito menos de futebol moderno…
    Nessa política implantou o sistema de escudo, convidando ídolos mesmo sem experiência e sem carta branca para ser vir de escudo… já queimou varios agora é o Junior do Rai( dos males o menor… se fosse um outro da patota estaria bem pior)… com isso contratamos mal e não corrigimos o erro de forma rápida e acerto a. Agora em ano eleitoral os interessados em mudar o status do clube(candidatos) pouco vão agir …. pois isso talvez interfira em suas campanhas onde irão surgir como salvadores da pátria que nunca abraçaram Leco( sendo que todos possuem um álbum de fotos repletos desse momento).

    Resta a nos torcedores do Feudo tricolor torcer para que o técnico desencante, a preparação física não de mais mancada e que os investimentos em medalhões de 2019 comecem a ter efeito…. assim não passaremos vergonha.

    Vamos com calma, vamos cobrar e protestar contra o Leco e a passividade do conselho… pq jogadores serão esses e o treinador tb… Diniz não é meu sonho tb, mas é capaz do Leco surgir com um Joel Santana para coroar sua administração…

O São Paulo precisa de nós! Vamos apoiar!