Amoroso vê Pato como ‘talento imenso’ e faz cobrança no São Paulo: ‘Falta vontade e respeito’

O primeiro Aqui com Benja de 2020 foi mais do que especial. Ídolo de gigantes como São Paulo e Borussia Dortmund e campeão da Copa América com a Seleção Brasileira em 1999, Amoroso foi o entrevistado de Benjamin Back, e se mostrou incomodado com a situação atravessada pelo Tricolor do Morumbi. Sem títulos desde 2012, ano em que conquistou a Copa Sul-Americana, o clube iniciará a temporada em busca de um título para encerrar a pressão.

Um dos nomes mais criticados pela torcida em 2019, Alexandre Pato foi elogiado pelo ex-atacante, campeão mundial e da Libertadores com o São Paulo em 2005. Mas na visão de Amoroso, o jogador precisa estar mais focado na carreira para poder render o melhor de seu talento.

“É um jogador que tem um talento imenso. Cara que, preparado psicologicamente, focado no trabalho, com certeza pode fazer a diferença. Nesse atual momento, falta vontade, na minha opinião. É um jogador que, muito bem focado, poder ser muito importante para o São Paulo”, afirmou Amoroso em entrevista ao Aqui com Benja, no FOX Sports.

Para o ex-atacante, a postura de muitos jogadores na atualidade tem refletido dentro de campo para que grandes clubes atravessem dias de dificuldade.

“Não só para o São Paulo, mas para muitos clubes. O próprio Cruzeiro, rebaixado. É um grande clube. Os caras hoje não dão mais o conceito do futebol. Tanto faz ganhar ou perder. ‘Amanhã eu vou ser vendido mesmo, amanhã não estou mais aqui’. Mas o clube fica passando dificuldade, o torcedor chora, sofre. Os caras tinham que ter um pouco mais de vontade, de respeito com a camisa dos clubes”, disse Amoroso, que continuou.

“O São Paulo é muito grande, de tradição. Todo mundo sabe. Vai jogar a Libertadores, e a Libertadores é o campeonato do São Paulo. É o campeonato para o torcedor são-paulino”, afirmou.

FOX

Anúncios

29 comentários

  1. Eu não critico o trabalho de Diniz.

    Eu apenas lamento o fato dele ser nosso treinador..

    Como já foi falado aqui, ja que está ali, vamos deixar ele trabalhar, mesmo já sabendo o desfecho disso..

  2. Jogadores como o Amoroso fazem falta nos dias de hoje, mal chegou ao clube e já foi decidindo jogos! Muita técnica e vibração!

    Pena que não quis ficar pra 2006, senão faria muito mais história por aqui.

  3. O nosso futuro e a equação da lastimável situação financeira em que nos meteram, é sem sobra de dúvidas a nossa própria base.

    https://www.spfc.net/news.asp?nID=184731

    Ainda assim, carecemos de uma reorganização geral adotando um projeto com visão de futuro para o melhor CFA do nosso país.

    Unificar e sincronizar todas as categorias de base com o nosso profissional promovendo uma real e verdadeira integração de todo o departamento de futebol sob um comando e gestão unificados.

    Trazendo treinadores e coordenadores profissionalizados.

    Otimizando o processo de garimpagem de novos talentos, na linha de melhoria contínua.

    Copiar o que o Palmeiras e também o Flamengo vem adotando de garimpar e contratar promessas país afora, inclusive na América do Sul.

    O Palmeiras, notadamente não forma a molecada mas garimpa é compra dentro de uma filosofia de custo benefício, que diga-se, vem dando certo.

  4. Acho que é melhor assim. Acreditar em alguma coisa. Se a gente dá por certo que, tal como está, o destino que nos espera passa pelos mesmos fracassos de anos anteriores e a série b, então, o melhor para quê seguir torcendo? Procura outro intretenimiento. Prá quê sofrer se já sabe o que vai acontecer. Eu prefiro acreditar em que algo melhor pode acontecer. Além do fim do mandato do Leco.

  5. Amoroso… Vc foi craque, nos ajudou demais na conquista de títulos importantes, mas vamos combinar que quando foi pra renovar, vc deu um “perdido” no SPFC e sumiu do Morumbi, jogando a responsabilidade no seu empresário, né?…

    Fica valendo o que vc fez de bom, tem créditos etc… Mas…

    • Jogava muito e poderia ter sido tricampeão brasileiro com o clube, fora a Libertadores de 2006 que, se ele estivesse em campo, talvez a gente levasse, mas o tal “empresário-fisioterapeuta-advogado-faz-tudo” cresceu o olho em termos financeiros, a pedido do próprio Amoroso e o Juvenal na época, pegou ranço dos dois e os deixou ir, o cara até jogou lá nos Gambás, mas disso ninguém se lembra hehehe

  6. Quem contrata o Pato já sabe disso. É impossível que essa falta de foco seja uma surpresa. O que seria uma surpresa é um jogador que foi assim a carreira inteira mudar de personalidade nas mãos do Diniz.

  7. Em todo caso, é sempre bom saber o que pensam os jogadores que estiveram lá e conhecem de perto essa realidade. As vezes coincide e as vezes não com a nossa opinião de torcedor

  8. Reclamar eu não reclamo não… mas vale um adendo para os que culparam a Flórida Cup como prejudicial ao time durante o ano, dizendo ser culpa deste campeonato que nosso preparo físico estava ruim… Flamengo ganhou vários campeonatos ano passado tendo sido campeão do Flórida Cup…

    Vamos ver se esse ano resolveram o verdadeiro problema da preparação física!!!

  9. Estou muito empolgado para este ano! Os treinamentos, pelo que falam, estão em altíssimo nível!! Todos estão empenhados, comprometidos e confiantes!
    Acredito muito no Diniz. É um grande homem e um grande treinador! Tem idéias fabulosas!!
    A ansiedade me toma conta para ver o time do nosso comandante em campo!

    • quando chegar o jogo com a porcada veremos o quanto o treinamento esta sendo bem realizado! Deus te ouça, mas a credibilidade da diretoria e do diniz é quase nenhuma…

  10. E realmente no caso do Pato, a torcida tb tem sua parcela de culpa, pois vivia implorando por ele, se esquecendo até das partidas medíocres dele, e a direção tb é culpada, pois fica dando ouvidos à galera, sem um mínimo de filtro, parecendo aqueles pais que dão de tudo para os filhos minados, com medo de dar um não como resposta!!!!
    Mas o maior culpado disso é o próprio Pato, que tá na cara que não curte o futebol, gosta de ser celebridade, deveria tentar a carreira artística então, ou até empresarial, quem sabe….

  11. O Pato não gosta de jogar futebol, ele gosta do dinheiro que ele dá!
    Há trinta anos ele é promessa!
    Teve seis meses de grande futebol no Inter e seis meses de grande futebol no Milan!
    Depois engana os idiotas que o contratam…

O São Paulo precisa de nós! Vamos apoiar!