Volpi faz tratamento no ombro e é ausência em treino do São Paulo mas deve atuar contra o Ceará

O São Paulo se reapresentou nesta terça-feira após dois dias de folga e o empate em 1 a 1 com o Santos, no último sábado. No gramado do CT da Barra Funda, o técnico Fernando Diniz contou com quase todos os jogadores, exceto Tiago Volpi, que ficou na academia por conta de um problema no ombro.

Dessa forma, o grupo treinou com quatro goleiros: Jean, Lucas Perri, Júnior e Thiago Couto, que foi puxado da base para completar as atividades. A ausência, no entanto, não preocupa a comissão técnica, que conta com o jogador para enfrentar o Ceará, no próximo domingo, às 19h, no Castelão.

O motivo da ausência de Volpi se dá por conta de uma trombada que o goleiro sofreu nos minutos finais do clássico contra o Santos, no último sábado. Ele saiu de campo sentindo a região e já na segunda-feira, durante a folga do elenco, iniciou tratamento preventivo por conta das dores. Nesta terça-feira ele continuou a rotina e foi poupado dos trabalhos em campo.

Nesta quarta-feira pela manhã, a expectativa é de que Volpi vá para campo e encerre os exercícios diferenciados na academia do CT. Como não há lesão, o goleiro teve retomar a programação normal e deve estar pronto para ser escalado pelo técnico Fernando Diniz.

O arqueiro são-paulino é um dos dois atletas que atuaram todos os 2.970 minutos das 33 rodadas do Brasileirão-2019. Ao seu lado está o zagueiro Lucas Fonseca, do Bahia, que também não desfalcou seu time durante a competição.

Com a equipe completa, o São Paulo volta a campo no próximo domingo, às 19h, no Castelão, para enfrentar o Ceará, pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro. Atualmente o Tricolor ocupa a sexta posição na tabela com 53 pontos, três atrás do Grêmio, que está na quarta colocação.

Lance!

Anúncios

4 comentários

  1. Qual o erro? Eles só disseram que estamos a três pontos do G4. Ou quem está em sexto não está atrás do quarto? Acho que você leu errado, Paulo, o jornalista não escreveu qualquer absurdo aí.

O São Paulo precisa de nós! Vamos apoiar!