Igor Gomes promete entrega no São Paulo: ‘Tirar a torcida da frustração’

As duas derrotas consecutivas do São Paulo dentro de casa causaram incômodo no clube, nos jogadores e na comissão técnica e fizeram com que o jogo do próximo sábado, contra o Santos, na Vila Belmiro, seja praticamente com obrigação de vitória. E é esse o espírito que Igor Gomes pretende mostrar dentro de campo, até para poder aliviar o sofrimento do torcedor são-paulino.

Em entrevista coletiva nesta quarta-feira, no CT da Barra Funda, o meio-campista destacou a importância dos três pontos diante do Peixe.

– Vai ser um jogo importante, porque clássico é clássico, a gente tem que ganhar, não tem outro resultado. A gente vem trabalhando aqui durante a semana, estamos trabalhando forte para ir lá e ganhar os três pontos. Apesar de tudo o que aconteceu esse ano, foi muito desastroso mesmo o resultado, mas agora é esquecer tudo isso e focar no clássico, porque a gente tem que sair de lá com os três pontos. Como a gente perdeu os pontos dentro de casa, a gente tem que recuperar fora de casa, a gente vai para conseguir os três pontos e vamos com força total, cada vez mais focados – declarou.Igor também foi questionado sobre os números de ataque do São Paulo, que neste ano indicam o pior ano da história do clube nesse quesito. Para o meia, talvez falte um pouco de capricho, mas é algo que ele tem certeza que será resolvido para poder tirar a torcida desta fase de frustrações.

– Acredito eu que falte um pouquinho de concentração ali para a gente, talvez caprichar um pouco mais na finalização, ou em um passe, as coisas vão acontecer, eu tenho certeza. A gente vem trabalhando forte, eu acredito que o trabalho, quando é árduo, ele traz coisas boas. A gente vem trabalhando bastante, se dedicando cada vez mais para dar alegria para a nossa torcida, tirar eles um pouco desses tempos de frustração que vem ocorrendo e a gente vai mudar essa história, só cabe a nós mudar isso a gente vai mudar – afirmou.

Confira outros trechos da entrevista de Igor Gomes:

Semana desastrosa
Desastrosa por causa dos resultados que vieram, no jogo contra o Fluminense a gente acabou não indo tão bem, no jogo contra o Athletico-PR acho que a gente propôs o nosso jogo de uma maneira muito boa, mas a gente não conseguiu arrematar as jogadas finais, o passe ou a finalização, a gente vem trabalhando forte com tudo isso, entendo o lado da torcida, mas a gente vem trabalhando forte essa semana para chegar no clássico contra o Santos e matar as chances que a gente tiver.

Oscilações
É difícil você encontrar uma explicação para isso, porque são vários fatores que podem ou não influenciar, o que eu posso me preocupar é com o meu desempenho dentro de campo, desempenho dos meus colegas, tudo o que está ali no nosso controle, então o que a gente tem que colocar em prática sempre é o nosso empenho, a nossa determinação dentro de campo, nossa vontade de correr, vontade de ganhar o jogo e quando der, a gente sair com os três pontos.

Lance!

Anúncios

19 comentários

  1. Eu tava lembrando do Everton que veio do Flamengo, joga 4 meses e fica 8 sem jogar todo ano. Fora o semestre com Aguirre, o resto é um prejuízo sem tamanho!

  2. Na minha opinião ainda não deslanchou no profissional.
    Algumas atuações bem medianas, prejudicadas pelo coletivo.
    Mas tem muito potencial.

  3. Pensa num jogo de altíssimo risco de sermos atropelados…é esse.
    Se acontecer o pior será que vão ter peito de bancar o FD ou será que vai ser mais um a perder a cabeça?
    Eu acho que o facão já está afiado

  4. Enquanto isso… Quando o time cair para sétimo na tabela do brasileirão, adeus Diniz! Volta Juan Carlos Osório para completar o que não fez ou virá Vanderlei Luxemburgo para tentar fazer história no São Paulo F.C.? Dúvidas, dúvidas e mais dívidas com diretores pagos a peso de ouro. Esse o São Paulo atual.

  5. Já erramos tudo, então eu iria de Luxemburgo para já (em caso de derrota para o santos), isso se ele quiser né.

    Mas no fundo algo me diz que o SPFC vai penar os próximos anos no meio da tabela, igual arroz de festa.

    Triste situação de um time que teve duas décadas de soberania marcante no cenário nacional/continental.

  6. Eu fico pensando o flamengo e tão bom assim ou os outros times é que estão muito abaixo , na minha opinião o nível dos outros times estão muito abaixo , é uma característica dos campeonatos europeus onde os 2 com mais dinheiro dominam , aqui no passado a pelo menos até uma década atrás todo time ate os que lutavam pelo rebaixamento tinha o seu craque pelo menos um jogador que tinha condição de decidir o jogo , um bom cabeceiador , ou um bom batedor de faltas e escanteio , um driblador veloz , jogadores que faziam a diferença contra qualquer time , hoje isso acabou no Brasil, tudo fica dependendo da parte tatica a uma falta de bons atletas , quem tem o dinheiro contratata todos.
    Eu venho falando a amigos faz tempo o flamengo não é isso tudo , a superioridade gritante é pela falta de oponente com o minimo de competência.
    Pra mim os meritos do Jorge Jesus e saber esconder muito bem os pontos fracos do flamengo e aproveitar ao máximo suas qualidades .
    A zaga do flamengo não é la essas coisas , é ruim no mano a mano , ruim na bola aérea, sempre que saem no mano a mano com a zaga do flamengo ou o goleiro salva ou é gol , mais graças ao plano de jogo do Jorge ela quase nunca fica exposta , a compactação e a chave do jogo do flamengo e o velho luxa acabou com ela como uma tacada de bilhar e time do flamengo teve que correr atrás do vasco sem achar grande parte do primeiro tempo, a defesa subia e logo vinha uma bola comprida na ponta nas costa da zaga , compactavam do lado da bola e o vasco virava o jogo , colocou seu 2 atacantes em situação de mano a mano com a zaga do flamengo varias vezes, jogou pelos lados fugiu do meio campo congestionado, fez o flamengo jogar do jeito que não gostam jogar desconfortável, tirou os espaço do gabigol e bruno Henrrique correr , serem lançados jogada forte deles , o vasco fez o melhor jogo so que o flamengo tem e fez uso oque os outros times não tem hoje no brasil quando enfrentam o flamengo, jogadores que decidem , o flamengo equilibrou o jogo porque tem jogadores que em uma jogada decidem o jogo , nos jogamos la tivemos chance pra ganhar e erramos as finalizaçoes ,o trabalho do Jorge é ótimo, até as faltas que o flamengo faz e ensaiada, fazem falta pra irritar o adversário, chutam jogador e bola junto padrão em todo jogo , gabigol e bruno Henrrique gostam de ter espaço pra correr não gostam de marcação em cima , na primeira dividida com os adversário arrumam discussão pra irritar o adversário e tentar amarela lo , quando o jogo é difícil toda disputa de bola e motivo pra confusao , pra mim isso é combinado , o Jorge Jesus saiu reclamando do são paulo falando que fisemos muitas faltas , não quer marcação em cima de seus jogadores .
    O Jorge e inteligente sim sabe potencializar seu time , exaltar os pontos fortes e esconder as falhas , contra times sem recursos tecnicos e estratégia fica fácil.

O São Paulo precisa de nós! Vamos apoiar!