Vivendo momento conturbado em 2019, o São Paulo já planeja a próxima temporada. Nesta terça-feira (12), em reunião no CT da Barra Funda, entre diversos temas, a diretoria debateu a importância de organizar as finanças.

Para recuperar o déficit registrado entre janeiro e agosto, a cúpula tricolor estuda a possibilidade de vender atletas para fazer caixa em 2020. No entanto, o desejo é de que os ganhos esportivos auxiliem a receita do clube.

Ao todo, a dívida atual do São Paulo gira em torno de R$ 434 milhões. A expectativa de faturamento em transferências era de cerca de R$ 121 milhões, mas o valor obtido foi exatamente R$ 50 milhões abaixo do esperado.

Na temporada, o time do Morumbi foi vice-campeão estadual, além de ser eliminado precocemente na Libertadores e Copa do Brasil. Os comandados de Fernando Diniz ocupam a quinta colocação no Campeonato Brasileiro, com 52 pontos conquistados até aqui. 

Esporte Interativo

Anúncios