Igor Vinícius ganha pontos no clássico; lateral já tinha se destacado contra o Santos

Igor Vinícius foi a solução de Fernando Diniz para a ausência de Juanfran. Com desgaste muscular, o espanhol foi poupado pela comissão técnica do São Paulo no último domingo, na vitória por 1 a 0 no clássico contra o Corinthians, graças ao gol de Reinaldo, de pênalti, no segundo tempo.

Nesta quarta-feira, contra o Cruzeiro, no Mineirão, Juanfran deve voltar a ficar à disposição, mas Igor Vinícius pode seguir na equipe titular, uma vez que foi um dos atletas mais elogiados por boa parte da torcida e também da imprensa, fator que pode pesar na decisão de Fernando Diniz às vésperas do confronto com a Raposa em Belo Horizonte.

“O caminho para percorrer sempre é longo, ele nunca termina. Sempre temos que fazer o melhor que podemos, e os jogadores estão tentando atingir seu limite. Contra o Flamengo, no Maracanã, praticamente não treinamos, e eles mostraram que têm muito recurso, uma capacidade de enfrentar desafios muito grande’, disse Fernando Diniz, não se limitando a analisar um atleta especificamente.

Esse foi o segundo clássico em que Igor Vinícius se destacou. No triunfo sobre o Santos, por 3 a 2, no Morumbi, o lateral-direito já havia colecionado uma atuação exemplar, neutralizando o venezuelano Soteldo, à época o principal destaque do Santos, então líder do Campeonato Brasileiro.Juanfran, por sua vez, voltou a treinar nesta segunda-feira, mas não disputou o jogo-treino contra o time sub-17 do São Paulo, trabalhando à parte acompanhado dos preparadores físicos. Aparentando estar recuperado do desgaste muscular que o tirou da última rodada, o espanhol pode pintar como novidade, mas não seria surpresa sua presença no banco de reservas para uma continuidade de Igor Vinícius no time titular.

“Trabalhando juntos a tendência é sempre melhorar. O futebol se confunde com a minha própria vida, então temos que fazer o melhor possível, todos os dias que treinamentos têm que ser dias sagrados”, concluiu o treinador do São Paulo.

Gazeta Esportiva

Anúncios

8 comentários

  1. E um excelente jogador rápido e tem bom cruzamento.

    E ainda pode jogar como ponta.

    Ele aprendeu a marcar de perto jogadores adversários isso e excelente.

  2. Depois que o Daniel Alves deu a dica pra ele no jogo contra o Santos de não dar espaço para o solteldo o cara está marcando de perto os adversários isso foi fundamental pra ele.

  3. Já é bom jogador, mas tem potencial imenso a explorar… Custou uma ninharia e vai se valorizar enormemente.

    Boa sorte, garoto… Observe os professores Juanfran e D Alves que vc só tem a ganhar…

  4. Esse pode comprar! Jovem, barato e com um enorme potencial de desenvolvimento. Esse também faz parte do pacote compromissos de pagamento 2020 que o SPFC vai ter que desembolsar: Tiago Volpi, Raniel, Pablo, Igor Vinicius.

  5. Dos posts anteriores e desse tb rsrs:

    Sei que muitos não vão concordar, e é um direito, porém não entendo o porque alguns torcedores pegam no pé do Jucilei, do Hudson, entre outros jogadores. Sério mesmo. Um foi peça chave que nos ajudou a fugir do rebaixamente e o outro que hoje é preterido, foi um dos destaques do time do Cruzeiro, esse que quis exercer direito de compra, e por ironia muitos dos que hoje não entendem o Hudson no SPFC, surtaram e chamaram a diretoria de amadora por ter imposto uma multa “baixa” e por entregar de graça o jogador. Enfim, isso acontece com os Garotos, que no meu entender, por pouca maturidade vão oscilar momentos bons e ruins, o que é normal. Eu decidi apoiar, independente de estar em campo Igor Vinicius ou Daniel Alves, Pato ou Raniel, Luan ou Jucilei. Não vou torcer para que determinado jogador não evolua e nem para que outro não volte ao seu bom futebol, só para ter o gosto de estufar o peito e dizer ” EU FALEI”. Torço para que Jucilei volte a sua forma de outrora, assim como Hudson, que não é um primor em técnica, porem sempre jogando com muita vontade e disposição, bem como Igor Vinicius, Antony, Igor Gomes, evoluam e se tornem se não grandes, ao menos bom jogadores, e somando tudo, coloquem o SPFC em holofotes e as glorias de outrora. Espero que Diniz seja um vitorioso e cobiçado técnico, e que crie raízes no SPFC e sua filosofia possa enfim ser posta em pratica. Torço para que Pato e Pablo formem uma dupla de ataque infernal e que façam tremer as defesas desse país. No mais, torço para que o SPFC esteja novamente no topo do futebol brasileiro.

    PS: Aos amigos do blog, quero deixar aqui um breve relato.
    Nascido em 85, escolhi o tricolor para ser meu time do coração com apenas 4 anos, mesmo contra o gosto do meu pai e 95 % da família que são corintianos. Quando residia em SP, sempre que podia e tinha condições estava no Morumbi, onde me alegrei com títulos, onde chorei por derrotas. Sempre tive orgulho da escolha pelo time que decidi amar. Orgulho esse que está ferido, por conta do que estão transformando o clube amado, mais com o pensamento de que todo mal tem seu fim. Outros grandes também tiveram seus momentos de espera e de turbulências, e ao contrario deles, nos mantivemos em pé, e estamos em evolução novamente. Por isso independentemente de quem jogue, ou aconteça, dentro das minhas possibilidades estarei apoiando. Ao Zanqueta deixo meu abraço e os meus parabéns, afinal apesar de não ser um comentarista constante, acompanho o blog diariamente a mais de 10 anos quando o conheci no BLOGROLL do Daniel Perrone, na época em que ele fazia parte do portal da globo com o espaço do blog do torcedor. E o parabenizo porque não é fácil sobreviver em meio a esse mundo onde nem sempre a informação é coerente e que muitas vezes mais valem as cifras do que a dignidade. E é isso, não é fácil ser São Paulino, afinal viemos de um passado recente de glorias, e sempre esperamos manter o nível, porem essa fase passara, amém. Obrigado a todos pela atenção e ótima noite. Vai São Paulo !!!!

O São Paulo precisa de nós! Vamos apoiar!