São Paulo impõe condição e retorno do meia Everton Felipe ao Sport se torna difícil

Pelo visto durou pouco o desejo do Sport em “repatriar” o meia Everton Felipe. Em conversa com a reportagem do Superesportes, o empresário do jogador, Marineu Barros, afirmou que o São Paulo não considera a possibilidade de negociar o jogador com o Leão. Informação que foi confirmada pelo diretor de futebol rubro-negro Nelo Campos, que no entanto ainda não deu como completamente descartada a transação.

Isso porque, segundo Nelo, o interesse do São Paulo é emprestar Everton Felipe para algum clube que aceite pagar integralmente o salário do jogador. Na sexta-feira, Marineu Barros revelou ao Superesportes que Fortaleza, Goiás e Cruzeiro teriam interesse no atleta. Além de um clube do futebol da Turquia. O empresário disse ainda estar aguardando outra proposta dos Emirados Árabes.

“A negociação é complicada, mas ainda não descartamos completamente. O São Paulo quer arrumar um time que pague 100% do salário de Everton e acho difícil algum clube aceitar nesses termos. Sendo assim, vamos ver até onde o São Paulo pode ceder”, afirmou o dirigente leonino.


Vale lembrar que a pessoas próximas, Everton Felipe ja manifestou o desejo de retornar ao Sport, pela identificação que tem com o clube. No São Paulo, o jogador não atua desde o dia 13 de junho, no empate por 1 a 1 com o Atlético-MG. Neste domingo, ficou no banco na vitória por 1 a 0 sobre o Ceará, na estreia do lateral direito Daniel Alves. Mas não foi acionado.

Superesportes

Anúncios

9 comentários

  1. Deveria ser a regra e não a exceção, o SPFC emprestar jogadores com o salário + encargos por conta do contratante, isso sem contar com o ressarcimento “comercial”.

    Quer contratar, que pague.

    #Reage SPFC.

  2. saiu a notícia que o SPFC monitora atacantes na série B . Um que me chamou a atenção foi o atacante Anderson Oliveira do Londrina , que ja foi sondado pelo PSV . Tecnicamente achei um jogador bem interessante , bem melhor que Everton Felipe e Calazans . Poderia vir por empréstimo com opção de compra . Seria uma opção bem legal o Anderson Oliveira . Tem 21 anos o jogador

  3. mas segundo informações , o Claudinho do Red Bull Bragantino teria chamado a atenção do Cuca . Vi comentários de quem está acompanhando o time paulista , e só vi elogios ao jogador . Tem 22 anos . Volto a repetir , da série B quem me chamou a atenção foi o Anderson Oliveira , 21 anos , do Londrina

    • Esse Claudinho é muito bom tecnicamente….não sei se encaixaria num futebol onde a força prevalece, mas é uma boa surpresa e creio que há vários interessados, não só o São Paulo.

  4. Alguém já viu a nova camisa 3 em lojas físicas?
    No site da Adidas, o modelo à venda não vem com o patch na manga com referência ao Uruguai, do jeito que era a camisa usada pelo Lugano na apresentação.
    Será que esse patch era só pra “tirar onda” na apresentação mesmo?

  5. Sobre o post anterior: Nas décadas de 60 e 70, a arbitragem errava à vontade, não havia tecnologia nenhuma. Ontem vi a final do BR 74, com o finado Armando Marques anulando o gol do Zé Carlos do Cruzeiro, a bola veio da linha de fundo e o Armandinho, por conta própria, deu impedimento, nem quis consultar o bandeira que nada tinha assinalado. Prefiro os dias de hoje com VAR, o negócio é aperfeiçoá-lo cada vez mais.

    • Quem historicamente se beneficia da arbitragem não vai gostar de um VAR perfeito. Eles querem erro eventual em favor de um SP, que repercute na mídia, para poder ter erros frequentes em favor deles.

O São Paulo precisa de nós! Vamos apoiar!