G6? veja qual a combinação de resultados ideal para terminar a 11ª rodada no G6 do Brasileirão

O São Paulo entra em campo apenas na segunda-feira (22). Pela frente, o time comandado por Cuca terá a Chapecoense. O duelo será no Morumbi, ás 20h, horário de Brasília, pela 11ª rodada do Brasileirão. Para este jogo, o Tricolor busca pontuar e subir na tabela de classificação.

E vale a pena ficar de olho na rodada. Isso porque o São Paulo inicia na nona posição. Mas, dependendo dos resultados, pode terminar até na quinta colocação. Para isso, antes de mais nada, precisa derrotar os catarinenses e chegar aos 18 pontos.

Depois disso, vale o torcedor do São Paulo ficar ligado em outras quatro partidas. O empate ou derrota do Internacional contra o Grêmio. Com isso, o Inter chegaria no máximo aos 17 pontos. O mesmo vale para o Botafogo, no caso de empate ou derrota para o Santos. O Glorioso ficaria com 16 ou 17 pontos.

Por fim, outros dois resultados fundamentais para o São Paulo são os tropeços de Corinthians e Goiás nos duelos contra Flamengo e Avaí respectivamente. Caso essa combinação se concretize, o Tricolor Paulista vai terminar a 11ª rodada do Brasileirão na quinta posição, dentro do G6 do torneio. Ou seja, se colocaria dentro do grupo que garante vaga na próxima edição da Libertadores.

Próximo jogo do São Paulo:

Mas, antes de mais nada, o foco do São Paulo é total no duelo contra a Chape. A bola rola na próxima segunda-feira (22), às 20h, horário de Brasília, no estádio do Morumbi, pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série A. Com 15 pontos, o time comandado por Cuca está na nona posição na tabela de classificação do torneio nacional.

Torcedores.com

Anúncios

5 comentários

  1. Quem é o preparador físico do Santos? Faz tempo que assistindo os jogos do Santos, tenho reparado os jogadores do Santos voando aos 35 do 2o tempo e isso antes do Sampaoli. SPFC devia contratar a comissão de preparação física deles.

    • Exatamente. Deu tudo como a gente queria. Agora só falta a nossa parte. É a parte que mais dá medo atualmente, mas não consigo pensar em nada diferente de uma vitória contra o time de Chapecó no Morumbi.

O São Paulo precisa de nós! Vamos apoiar!