Preocupado com ataque, São Paulo vai ao mercado em busca de opções de reforços

O São Paulo deixou o Morumbi frustrado pelo empate em 0 a 0 com o Bahia, pelo Campeonato Brasileiro, irritado com a arbitragem e preocupado com as opções para o ataque. O elenco, o técnico Cuca e a diretoria tratam abertamente da necessidade de reforços para o setor, principalmente uma nova opção de centroavante para o segundo semestre.

O tropeço dentro de casa impediu o São Paulo de continuar empatado em número de pontos com o Palmeiras. O time do Morumbi agora é o terceiro colocado e tenta solucionar os problemas mostrados na fraca atuação, como a falta de criatividade. Cuca inclusive tirou Pato do time no intervalo por opção tática e afirmou que a equipe toda não esteve bem. “O que deu para fazer hoje foi o empate, porque nossos jogadores não estavam em um grande dia”, disse.

O São Paulo chegou a acertar uma bola na trave no começo do jogo com Antony. O Bahia procurou explorar os contra-ataques e deixou a partida equilibrada. Quando a equipe da casa intensificava a pressão, no segundo tempo, perdeu Toró. O atacante foi expulso após o árbitro de vídeo considerar que agrediu o goleiro Douglas durante dividida.

A perda fez o São Paulo se segurar e ver o empate com um resultado aceitável. A equipe estava no segundo tempo sem centroavantes . Para o lateral Reinaldo, isso dificultou o time. “Faz falta um centroavante estar sempre posicionado lá dentro da área, porque nosso time joga bem pelas beiradas. É bom ter um cara na referência”, afirmou.

O São Paulo contratou neste ano o atacante Pablo, mas o jogador se recupera de uma cirurgia na coluna. Pato atuou somente por 45 minutos contra o Bahia e acaba de voltar de lesão no pescoço. Já o uruguaio Gonzalo Carneiro, por sua vez, foi afastado depois de ser pego no exame antidoping pelo uso de cocaína.

O diretor executivo Raí confirmou a necessidade de se buscar um reforço. “Se pudermos enriquecer o leque de possibilidades, com um jogador mais alto, mais de área, será bom. É uma característica que a gente não tem”, disse o dirigente, sem citar nomes. O clube conversou recentemente sobre o argentino Juan Dinenno, que está no Deportivo Cali, da Colômbia.

Cuca disse que também espera por novidades. “Nós devemos melhorar nossa equipe para o segundo semestre, mas ainda não é hora de falar disso”.

Hoje, chegou Calazans e Cuca quer mais 2 nomes, lateral direito e centroavante.

Estadão

6 comentários

  1. Luiz Adriano , ex internacional e Milan , hoje no Spartak Moscou , seria uma ótima contratação já que deve ter jogado também com o Pato no internacional , e com o retorno do Pablo ele pode fazer e muito bem os dois lados do campo de acordo com a necessidade do cuca

  2. Sobre LD, porque não buscar o Gino Peruzzi com o passe ligado ao Boca que vem jogando mt pelo San Lorenzo???

    tem 25 anos, passagens pela seleção portenha, e pelo que li tem contrato apenas até dezembro de 2019, ou seja, já pode assinar pré contrato com outro clube para sair de graça…

  3. Ah na moral, eu já perdi a fé neste sentido. Cuca pedindo lateral direito e atacante, ai os caras aparecem com um jogador de lado voltando de lesão e liberam o único atacante que estava em condições de jogar…

    Só vou torcer, em questão de contratação chega a dar raiva.

O São Paulo precisa de nós! Vamos apoiar!