São Paulo tem mais a comemorar do que lamentar do Paulistão mesmo com vice

Cuca, técnico do São Paulo, partida contra o Palmeiras, válida pela semifinal do Campeonato Paulista 2019, na capital paulista. estádio Allianz Parque, 07/04/2019, Foto: Djalma Vassão/Gazeta Press

Tricolor encerra o Estadual com um esboço concreto de time para o restante da temporada

O torcedor do São Paulo não sabia o que era disputar uma final desde 2012, na conquista da Copa Sul-Americana, mas o grito de campeão não saiu no último domingo. O Corinthians venceu por 2 a 1 na Arena Corinthians e garantiu seu tricampeonato do Paulistão. A tristeza pela derrota é justa, mas há o que ser comemorado pelos lados do Morumbi.

Os primeiros meses da temporada são-paulina viram uma crise que parecia não ter fim. A equipe tricolor foi eliminada pelo modesto Talleres na Copa Libertadores, demitiu André Jardine do cargo de técnico e já precisou reorganizar seu elenco com a saída de Diego Souza. A vaga para o mata-mata do Paulistão quase não saiu, mas foi no caminho até o final em que as melhores notícias saíram.

Ainda esperando por Cuca, que se recuperava de procedimento cirúrgico, Vagner Mancini apostou nos garotos e fez mudanças fundamentais para que o São Paulo tivesse as melhores atuações de 2019 contra Ituano e Palmeiras (quartas de final e semi, respectivamente). O meio de campo formado por Luan, Liziero e Igor Gomes derrubou o badalado elenco palmeirense, enquanto Antony virou esperança de boas jogadas ofensivas.

O time que foi superado pelo Corinthians passou por mudanças que fizeram a diferença. Se o ataque tricolor no Paulistão teve dificuldades de render, a perda de Pablo por um cisto na região lombar da coluna contribuiu para que Cássio nem precisasse trabalhar em Itaquera. Sem Liziero, mais uma vez lesionado, o meio-campo perdeu vitalidade, já que Jucilei vive momento ruim e Hernanes não está na sua melhor forma.

Os substitutos ideais não estavam inscritos no Paulista, mas serão peças importantes no Campeonato Brasileiro, que começa no próximo fim de semana. Alexandre Pato e Tchê Tchê se encaminham para encorpar uma base já estabelecida, coisa que o Sao Paulo não tinha. Ainda há Victor Bueno, que será opção criativa.

Goal.com

Anúncios

43 comentários

    • comemorar o quê? comemorar derrota? 10 anos de derrotas??? não senhor, não há nada o que comemorar… se tem alguém comemorando derrota, isso só prova que na última década o SP se apequenou junto com a mentalidade de sua torcida.

  1. Copa Dona Florinda …, eliminado.
    Copa Pré-pré-Libertadores …, eliminado.
    Campeonato Paulista …, seguimos na fila.

    Clássicos …, não vencemos.
    Arenas …, seguimos “virgens”.

    O que comemorar ???????????????????????????

    • Eu gostava mais do termo “patota macabra”, reflete com mais precisão o antro de amadores e fraudadores exaurindo o clube em benefício próprio.

  2. Muito a comemorar – temos elenco, temos técnico, temos perspectiva!!!!
    Estarei prestigiando meu time no próximo sabado!!!
    Vamos começar esse brasileiro com o pe direito.

  3. Volpi
    Hudson
    Arboleda
    B. Alves
    Léo
    W. Farias
    Tchê tchê
    Hernanes
    Igor Gomes
    Pato
    Antony

    Reinaldo merece banco, precisa de um lateral direito de ofício, para começar, 4-4-2 e no segundo tempo, Vitor Bueno no lugar do Hernanes

  4. Na boa, sempre vou no estadio, tenho N camisas oficiais, socio torcedor mas depois do jogo de ontem deu uma desanimada animal…

  5. comemorar o quê? comemorar derrota? 10 anos de derrotas??? Não Senhor, não há nada o que comemorar… se tem alguém comemorando derrota, isso só prova o quanto o SP se apequenou nessa última década junto com a mentalidade de sua torcida .

    • Quando o São Paulo classificou para a pré-Libertadores no fim do ano passado, a CONMEBOL mandou uma mensagem via Twitter parabenizando o clube pela volta ao torneio depois de tanto tempo. Mas não contavam com a incompetência, amadorismo, anacronismo, mau-caratismo da diretoria e asseclas que destroem o São Paulo há anos. O “tricampeão voltou” (segundo palavras da CONMEBOL) pra jogar um só jogo e muito mal, perdendo pra um time inexpressivo, ruim, com 1/10 do orçamento, e que nem chegou à fase de grupo também.
      O São Paulo na verdade está clinicamente morto: é como alguém em coma há 15 anos respirando por aparelhos mas com chance inexistente de sobrevida. Um clube que não ganha nada e não tem respeito algum, atolado em dívida, sem força de mercado e de bastidores, sem perspectiva esportiva por causa de seu sistema político arcaico e amadorismo, na verdade, acabou. Não baixam as portas porque ainda dá lucro pros empresários de jogadores medíocres, os amigos do amigo do meu pai, e ainda enche o bolso de Leco, Aidar, Natel, Douglas Schwartzman (o camarada do Jack, ou será ele mesmo?), essa turma bacana ai. Também ainda serve pra comprar presentinhos pro pessoal do conselho que se vende por estacionamento, aeroleco, e dá um cafézinho pras organizadas brincarem de escola de samba.

  6. Rapaz, ta uma palhaçada esse jornalismo esportivo, faz tempo que dá ânsia, nojo de ler/assistir essas porcarias da tv brasileira, o que é mais impressionante, reclamam da seleção brasileira, mas quando vêem os marginais ganharem um título, com esse futebol ridículo, têm quase um orgasmo…é patético

  7. O volante da base, Rodrigo Nestor, joga muita bola.
    Mesmo ainda franzino, acho que da pra subir.
    Muito melhor que esses Jucileis e W Farias da vida.
    Saída de bola do menino e muito boa. E como ele organiza as jogadas por trás.
    Futuro talento!

  8. Do outro post “Hernanes explica atuação como falso 9”. Desnecessário Hernanes. Fique tranquilo amigo. O nosso presidente é quem deve explicar o motivo pelo qual o São Paulo está há dez anos disputando campeonatos como “Falso Clube Grande”.

  9. E Carneiro ein. Acabo de ler que foi pego no Doping por uso de cocaina. Será que ele tava cheirado quando bateu pênalti no Palmeiras?

  10. Também penso que pelo fato da “afirmação” entre os titulares dos garotos da base temos mais a comemorar que lamentar.

    Mesmo sabendo que serão vendidos serão 3 ou mais pepitas de ouro, ja que o velhos mesmo que saíssem seria por algo muuuuuuuuito inferior

  11. Enquanto o SP não voltar a ser protagonista em clássicos e levantar algum troféu, não comemorarei P….. nenhuma! Cansado dessa fase negra iniciada com a dinastia do Sr. JJ! Chega, Basta! Impossível continuar a ter paciência com essa absurda freguesia contra os gambás…São anos e anos de agonia, sofrimento e humilhação! Jogamos 7 clássicos e NÃO ganhamos nenhum, e ainda tem gente demente que consegue ver luz no final do túnel! Parei… A classificação na base da “sorte” contra o palmeiras só serviu como cortina de fumaça para encobrir o caos e iludir a maioria da torcida. Eu não cai nesse oba-oba de final, porque sei muito bem o time pipoqueiro que o SP tem há anos! Não tem que ter trégua alguma com Leco e Cia! Se a torcida não cobrar e exigir o máximo do clube, continuaremos nesse marasmo e comodismo de acreditar que vaga na libertadores tá de bom tamanho!

  12. 14 anos na fila do Paulista, mas se esquecem que desse total, em 10 anos o SP deixou esse certame de lado por causa da Libertadores. Não fomos campeões paulista em 2006, 2007 e 2008, mas fomos campeões do brasileiro. E em 2009, 2010, 2013, 2015 e 2016 foi priorizada a Libertadores, que hoje está mais espaçada no ano.

  13. E o Carneiro cheirador, hein? Cheira, fica acelerado e erra tudo o que faz em campo. Pior que isso, só o Everton Felipe (21 anos) perdendo na corrida para o Ralf (34 anos).

  14. Cara chega a dar raiva, eu queria muito que o São Paulo tivesse ganho ontem, mas a galera parece que não torce… a galera se alimenta da derrota. O time na semifinal e galera reclamando, time passa e gente pedindo pra dispensar jogador antes do primeiro jogo da final. Blog com metade dos comentários do “normal”.

    O time perde com gol aos 44 do segundo tempo e parece que entrou e tomou 4×0 sem pegar na bola e toda postagem não importa o assunto é de gente reclamando. Quando erra ta tudo errado, quando acerta um pouco tá tudo errado, quando acerta bastante é por que poderia ser perfeito… Tá louco cara, demitimos o Muricy por causa desse imediatismo idiota em 2009 e parece que a torcida não aprendeu NADA!

    Chega a desanimar ler a galera que se diz torcedor mas se revolta por que não ganhamos o paulistinha!

    Pra começar a conversa a gente nem merecia ganhar, por que o time estava na draga, resolvemos jogar bola nos últimos 6 jogos e caimos de para-quedas na final. Todo mundo tem todo o direito de se revoltar com a diretoria que é péssima, com o Raí que é fraco, com o “planejamento” de 2019 que foi ridículo e culminou nesse tanto de jogador fora de forma em Abril…

    Mas dizer que a gente não tem que comemorar a molecada que subiu e levou nosso time até a final e o espírito de luta que mostra uma boa perspectiva pro segundo semestre, ai me desculpa, ai não é ser torcedor, é ser analista de resultado… onde se ganhar poderia ser melhor e se perder é por que está tudo errado.

  15. Régis e Carneiro. Dois cheiradores.

    Se ficar comprovado, precisa dar um jeito de rescindir o contrato.

    Alguns jogadores escutaram que somos um Spa e confundiram o SPFC com clínica de reabilitação de dependente químico.

  16. Então quer dizer que a tendinite tava mais pra “cheirinite”?

    Não tava jogando nada, mas se for esse o motivo de não ter jogado uma FINAL de campeonato, quando não tínhamos mais ninguém pra posição, o clube merece aplicar uma multa enorme, pra amenizar o prejuízo.

O São Paulo precisa de nós! Vamos apoiar!